Assuntos entre casais

29 tópicos para uma conversa interessante entre casais casados ... Evite assuntos que possam trazer mágoas passadas, e permaneça positivo, sem reclamações. Comece hoje mesmo a ficar mais próximo de seu cônjuge. O casamento e mesmo o relacionamento com os filhos melhorará muito. Contudo, existem algumas formas de refletir sobre o futuro da relação, e a melhor delas é o diálogo entre o casal. Por isso, é preciso analisar se a pessoa que está ao seu lado fala sobre estes dez assuntos: 1. Como ele realmente se sente em relação a você assuntos para casais. assuntos importantes entre casais. sinais de que nao vai dar certo. sinais de que o relacionamento nao vai dar certo. como saber se o relacionamento vai dar errado. como saber se o relacionamento vai dar certo. TOP10 histórias on Para Os Curiosos. O comportamento de cada signo quando fica triste. 25 Temas para encontro de casais e mensagem para quem vai fazer encontro de casal. Os famosos encontros casais com cristo. Confira algumas sugestões de temas para casal evangelico, palestra, roteiro, acampamento de casais, dinamica, liturgia e outras atividades. assuntos entre casais Os casais que não conversam sobre esses 09 assuntos NÃO deveriam estar juntos Todas as pessoas que passaram ou estão em um relacionamento mais sério vão concordar que evitar assuntos difíceis não leva a nada além de... A vida corrida faz com que os casais passem menos tempo juntos. E conversem pouco. Os assuntos que geram desconforto, então, tendem a ser deixados para “um dia, quem sabe, a gente fala sobre isso com calma”. Mas não deveria se

Mes estudos para o CACD - Bruno Pereira Rezende

2020.07.23 10:09 diplohora Mes estudos para o CACD - Bruno Pereira Rezende

Livro do diplomata Bruno Pereira Rezende
INTRODUÇÃO
📷📷Desde quando comecei os estudos para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD), li dezenas de recomendações de leituras, de guias de estudos extraoficiais, de dicas sobre o concurso, sobre cursinhos preparatórios etc. Sem dúvida, ter acesso a tantas informações úteis, vindas de diversas fontes, foi fundamental para que eu pudesse fazer algumas escolhas certas em minha preparação, depois de algumas vacilações iniciais. Mesmo assim, além de a maioria das informações ter sido conseguida de maneira dispersa, muitos foram os erros que acho que eu poderia haver evitado. Por isso, achei que poderia ser útil reunir essas informações que coletei, adicionando um pouco de minha experiência com os estudos preparatórios para o CACD neste documento.
Além disso, muitas pessoas, entre conhecidos e desconhecidos, já vieram me pedir sugestões de leituras, de métodos de estudo, de cursinhos preparatórios etc., e percebi que, ainda que sempre houvesse alguma diferenciação entre as respostas, eu acabava repetindo muitas coisas. É justamente isso o que me motivou a escrever este documento – que, por não ser (nem pretender ser) um guia, um manual ou qualquer coisa do tipo, não sei bem como chamá-lo, então fica como “documento” mesmo, um relato de minhas experiências de estudos para o CACD. Espero que possa ajudar os interessados a encontrar, ao menos, uma luz inicial para que não fiquem tão perdidos nos estudos e na preparação para o concurso.
Não custa lembrar que este documento representa, obviamente, apenas a opinião pessoal do autor, sem qualquer vínculo com o Ministério das Relações Exteriores, com o Instituto Rio Branco ou com o governo brasileiro. Como já disse, também não pretendo que seja uma espécie de guia infalível para passar no concurso. Além disso, o concurso tem sofrido modificações frequentes nos últimos anos, então pode ser que algumas coisas do que você lerá a seguir fiquem ultrapassadas daqui a um ou dois concursos. De todo modo, algumas coisas são básicas e podem ser aplicadas a qualquer situação de prova que vier a aparecer no CACD, e é necessário ter o discernimento necessário para aplicar algumas coisas do que falarei aqui a determinados contextos. Caso você tenha dúvidas, sugestões ou críticas, fique à vontade e envie-as para [[email protected] ](mailto:[email protected])(se, por acaso, você tiver outro email meu, prefiro que envie para este, pois, assim, recebo tudo mais organizado em meu Gmail). Se tiver comentários ou correções acerca deste material, peço, por favor, que também envie para esse email, para que eu possa incluir tais sugestões em futura revisão do documento.
Além desta breve introdução e de uma também brevíssima conclusão, este documento tem quatro partes. Na primeira, trato, rapidamente, da carreira de Diplomata: o que faz, quanto ganha, como vai para o exterior etc. É mais uma descrição bem ampla e rápida, apenas para situar quem, porventura, estiver um pouco mais perdido. Se não estiver interessado, pode pular para as partes seguintes, se qualquer prejuízo para seu bom entendimento. Na segunda parte, trato do concurso: como funciona, quais são os pré-requisitos para ser diplomata, quais são as fases do concurso etc. Mais uma vez, se não interessar, pule direto para a parte seguinte. Na parte três, falo sobre a preparação para o concurso (antes e durante), com indicações de cursinhos, de professores particulares etc. Por fim, na quarta parte, enumero algumas sugestões de leituras (tanto próprias quanto coletadas de diversas fontes), com as devidas considerações pessoais sobre cada uma. Antes de tudo, antecipo que não pretendo exaurir toda a bibliografia necessária para a aprovação, afinal, a cada ano, o concurso cobra alguns temas específicos. O que fiz foi uma lista de obras que auxiliaram em minha preparação (e, além disso, também enumerei muitas sugestões que recebi, mas não tive tempo ou vontade de ler – o que também significa que, por mais interessante que seja, você não terá tempo de ler tudo o que lhe recomendam por aí, o que torna necessário é necessário fazer algumas escolhas; minha intenção é auxiliá-lo nesse sentido, na medida do possível).
Este documento é de uso público e livre, com reprodução parcial ou integral autorizada, desde que citada a fonte. Sem mais, passemos ao que interessa.
Parte I – A Carreira de Diplomata
INTRODUÇÃO
Em primeiro lugar, rápida apresentação sobre mim. Meu nome é Bruno Rezende, tenho 22 anos e fui aprovado no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) de 2011. Sou graduado em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (turma LXII, 2007-20110), e não tinha certeza de que queria diplomacia até o meio da universidade. Não sei dizer o que me fez escolher a diplomacia, não era um sonho de infância ou coisa do tipo, e não tenho familiares na carreira. Acho que me interessei por um conjunto de aspectos da carreira. Comecei a preparar-me para o CACD em meados de 2010, assunto tratado na Parte III, sobre a preparação para o concurso.
Para maiores informações sobre o Ministério das Relações Exteriores (MRE), sobre o Instituto Rio Branco (IRBr), sobre a vida de diplomata etc., você pode acessar os endereços:
- Página do MRE: http://www.itamaraty.gov.b
- Página do IRBr: http://www.institutoriobranco.mre.gov.bpt-b
- Canal do MRE no YouTube: http://www.youtube.com/mrebrasil/
- Blog “Jovens Diplomatas”: http://jovensdiplomatas.wordpress.com/
- Comunidade “Coisas da Diplomacia” no Orkut (como o Orkut está ultrapassado, procurei reunir todas as informações úteis sobre o concurso que encontrei por lá neste documento, para que vocês não tenham de entrar lá, para procurar essas informações):
http://www.orkut.com.bMain#Community?cmm=40073
- Comunidade “Instituto Rio Branco” no Facebook: http://www.facebook.com/groups/institutoriobranco/
Com certeza, há vários outros blogs (tanto sobre a carreira quanto sobre a vida de diplomata), mas não conheço muitos. Se tiver sugestões, favor enviá-las para [[email protected].](mailto:[email protected])
Além disso, na obra O Instituto Rio Branco e a Diplomacia Brasileira: um estudo de carreira e socialização (Ed. FGV, 2007), a autora Cristina Patriota de Moura relata aspectos importantes da vida diplomática daqueles que ingressam na carreira. Há muitas informações desatualizadas (principalmente com relação ao concurso), mas há algumas coisas interessantes sobre a carreira, e o livro é bem curto.
A DIPLOMACIA E O TRABALHO DO DIPLOMATA
Com a intensificação das relações internacionais contemporâneas e com as mudanças em curso no contexto internacional, a demanda de aprimoramento da cooperação entre povos e países tem conferido destaque à atuação da diplomacia. Como o senso comum pode indicar corretamente, o
diplomata é o funcionário público que lida com o auxílio à Presidência da República na formulação da política externa brasileira, com a condução das relações da República Federativa do Brasil com os demais países, com a representação brasileira nos fóruns e nas organizações internacionais de que o país faz parte e com o apoio aos cidadãos brasileiros residentes ou em trânsito no exterior. Isso todo mundo que quer fazer o concurso já sabe (assim espero).
Acho que existem certos mitos acerca da profissão de diplomata. Muitos acham que não irão mais pagar multa de trânsito, que não poderão ser presos, que nunca mais pegarão fila em aeroporto etc. Em primeiro lugar, não custa lembrar que as imunidades a que se referem as Convenções de Viena sobre Relações Diplomáticas e sobre Relações Consulares só se aplicam aos diplomatas no exterior (e nos países em que estão acreditados). No Brasil, os diplomatas são cidadãos como quaisquer outros. Além disso, imunidade não é sinônimo de impunidade, então não ache que as imunidades são as maiores vantagens da vida de um diplomata. O propósito das imunidades é apenas o de tornar possível o trabalho do diplomata no exterior, sem empecilhos mínimos que poderiam obstar o bom exercício da profissão. Isso não impede que diplomatas sejam revistados em aeroportos, precisem de vistos, possam ser julgados, no Brasil, por crimes cometidos no exterior etc.
Muitos também pensam que irão rodar o mundo em primeira classe, hospedar-se em palácios suntuosos, passear de iate de luxo no Mediterrâneo e comer caviar na cerimônia de casamento do príncipe do Reino Unido. Outros ainda acham que ficarão ricos, investirão todo o dinheiro que ganharem na Bovespa e, com três anos de carreira, já estarão próximos do segundo milhão. Se você quer ter tudo isso, você está no concurso errado, você precisa de um concurso não para diplomata, mas para marajá. Obviamente, não tenho experiência suficiente na carreira para dizer qualquer coisa, digo apenas o que já li e ouvi de diversos comentários por aí. É fato que há carreiras públicas com salários mais altos. Logo, se você tiver o sonho de ficar rico com o salário de servidor público, elas podem vir a ser mais úteis nesse sentido. Há não muito tempo, em 2006, a remuneração inicial do Terceiro-Secretário (cargo inicial da carreira de diplomata), no Brasil, era de R$ 4.615,53. Considerando que o custo de vida em Brasília é bastante alto, não dava para viver de maneira tão abastada, como alguns parecem pretender. É necessário, entretanto, notar que houve uma evolução significativa no aspecto salarial, nos últimos cinco anos (veja a seç~o seguinte, “Carreira e Salrios). De todo modo, já vi vários diplomatas com muitos anos de carreira dizerem: “se quiser ficar rico, procure outra profissão”. O salário atual ajuda, mas não deve ser sua única motivação.
H um texto ótimo disponível na internet: “O que é ser diplomata”, de César Bonamigo, que reproduzo a seguir.
O Curso Rio Branco, que frequentei em sua primeira edição, em 1998, pediu-me para escrever sobre o que é ser diplomata. Tarefa difícil, pois a mesma pergunta feita a diferentes diplomatas resultaria, seguramente, em respostas diferentes, umas mais glamourosas, outras menos, umas ressaltando as vantagens, outras as desvantagens, e não seria diferente se a pergunta tratasse de outra carreira qualquer. Em vez de falar de minhas impressões pessoais, portanto, tentarei, na medida do possível, reunir observações tidas como “senso comum” entre diplomatas da minha geraç~o.
Considero muito importante que o candidato ao Instituto Rio Branco se informe sobre a realidade da carreira diplomática, suas vantagens e desvantagens, e que dose suas expectativas de acordo. Uma expectativa bem dosada não gera desencanto nem frustração. A carreira oferece um pacote de coisas boas (como a oportunidade de conhecer o mundo, de atuar na área política e econômica, de conhecer gente interessante etc.) e outras não tão boas (uma certa dose de burocracia, de hierarquia e dificuldades no equacionamento da vida familiar). Cabe ao candidato inferir se esse pacote poderá ou não fazê-lo feliz.
O PAPEL DO DIPLOMATA
Para se compreender o papel do diplomata, vale recordar, inicialmente, que as grandes diretrizes da política externa são dadas pelo Presidente da República, eleito diretamente pelo voto popular, e pelo Ministro das Relações Exteriores, por ele designado. Os diplomatas são agentes políticos do Governo, encarregados da implementação dessa política externa. São também servidores públicos, cuja função, como diz o nome, é servir, tendo em conta sua especialização nos temas e funções diplomáticos.
Como se sabe, é função da diplomacia representar o Brasil perante a comunidade internacional. Por um lado, nenhum diplomata foi eleito pelo povo para falar em nome do Brasil. É importante ter em mente, portanto, que a legitimidade de sua ação deriva da legitimidade do Presidente da República, cujas orientações ele deve seguir. Por outro lado, os governos se passam e o corpo diplomático permanece, constituindo elemento importante de continuidade da política externa brasileira. É tarefa essencial do diplomata buscar identificar o “interesse nacional”. Em negociações internacionais, a diplomacia frequentemente precisa arbitrar entre interesses de diferentes setores da sociedade, não raro divergentes, e ponderar entre objetivos econômicos, políticos e estratégicos, com vistas a identificar os interesses maiores do Estado brasileiro.
Se, no plano externo, o Ministério das Relações Exteriores é a face do Brasil perante a comunidade de Estados e Organizações Internacionais, no plano interno, ele se relaciona com a Presidência da República, os demais Ministérios e órgãos da administração federal, o Congresso, o Poder Judiciário, os Estados e Municípios da Federação e, naturalmente, com a sociedade civil, por meio de Organizações Não Governamentais (ONGs), da Academia e de associações patronais e trabalhistas, sempre tendo em vista a identificação do interesse nacional.
O TRABALHO DO DIPLOMATA
Tradicionalmente, as funções da diplomacia são representar (o Estado brasileiro perante a comunidade internacional), negociar (defender os interesses brasileiros junto a essa comunidade) e informar (a Secretaria de Estado, em Brasília, sobre os temas de interesse brasileiro no mundo). São também funções da diplomacia brasileira a defesa dos interesses dos cidadãos brasileiros no exterior, o que é feito por meio da rede consular, e a promoção de interesses do País no exterior, tais como interesses econômico-comerciais, culturais, científicos e tecnológicos, entre outros.
No exercício dessas diferentes funções, o trabalho do diplomata poderá ser, igualmente, muito variado. Para começar, cerca de metade dos mil1 diplomatas que integram o Serviço Exterior atua no Brasil, e a outra metade nos Postos no exterior (Embaixadas, Missões, Consulados e Vice-Consulados). Em Brasília, o diplomata desempenha funções nas áreas política, econômica e administrativa, podendo cuidar de temas tão diversos quanto comércio internacional, integração regional (Mercosul), política bilateral (relacionamento do Brasil com outros países e blocos), direitos humanos, meio ambiente ou administração física e financeira do Ministério. Poderá atuar, ainda, no Cerimonial (organização dos encontros entre autoridades brasileiras e estrangeiras, no Brasil e no exterior) ou no relacionamento do Ministério com a sociedade (imprensa, Congresso, Estados e municípios, Academia, etc.).
No exterior, também, o trabalho dependerá do Posto em questão. As Embaixadas são representações do Estado brasileiro junto aos outros Estados, situadas sempre nas capitais, e desempenham as funções tradicionais da diplomacia (representar, negociar, informar), além de promoverem o Brasil junto a esses Estados. Os Consulados, Vice-Consulados e setores consulares de Embaixadas podem situar-se na capital do país ou em outra cidade onde haja uma comunidade brasileira expressiva. O trabalho nesses Postos é orientado à defesa dos interesses dos cidadãos brasileiros no exterior. Nos Postos multilaterais (ONU, OMC, FAO, UNESCO, UNICEF, OEA etc.), que podem ter natureza política, econômica ou estratégica, o trabalho envolve, normalmente, a representação e a negociação dos interesses nacionais.
O INGRESSO NA CARREIRA
A carreira diplomática se inicia, necessariamente, com a aprovação no concurso do Instituto Rio Branco (Informações sobre o concurso podem ser obtidas no site http://www2.mre.gov.birbindex.htm). Para isso, só conta a competência – e, talvez, a sorte – do candidato. Indicações políticas não ajudam.
AS REMOÇÕES
Após os dois anos de formação no IRBr , o diplomata trabalhará em Brasília por pelo menos um ano. Depois, iniciam-se ciclos de mudança para o exterior e retornos a Brasília. Normalmente, o diplomata vai para o exterior, onde fica três anos em um Posto, mais três anos em outro Posto, e retorna a Brasília, onde fica alguns anos, até o início de novo ciclo. Mas há espaço para flexibilidades. O diplomata poderá sair para fazer um Posto apenas, ou fazer três Postos seguidos antes de retornar a Brasília. Isso dependerá da conveniência pessoal de cada um. Ao final da carreira, o diplomata terá passado vários anos no exterior e vários no Brasil, e essa proporção dependerá essencialmente das escolhas feitas pelo próprio diplomata. Para evitar que alguns diplomatas fiquem sempre nos “melhores Postos” – um critério, aliás, muito relativo – e outros em Postos menos privilegiados, os Postos no exterior estão divididos em [quatro] categorias, [A, B, C e D], obedecendo a critérios não apenas de qualidade de vida, mas também geográficos, e é seguido um sistema de rodízio: após fazer um Posto C, por exemplo, o diplomata terá direito a fazer um Posto A [ou B], e após fazer um Posto A, terá que fazer um Posto [B, C ou D].
AS PROMOÇÕES
Ao tomar posse no Serviço Exterior, o candidato aprovado no concurso torna-se Terceiro-Secretário. É o primeiro degrau de uma escalada de promoções que inclui, ainda, Segundo-Secretário, Primeiro-
-Secretário, Conselheiro, Ministro de Segunda Classe (costuma-se dizer apenas “Ministro”) e Ministro de Primeira Classe (costuma-se dizer apenas “Embaixador”), nessa ordem. Exceto pela primeira promoção, de Terceiro para Segundo-Secretário, que se dá por tempo (quinze Terceiros Secretários são promovidos a cada semestre), todas as demais dependem do mérito, bem como da articulação política do diplomata. Nem todo diplomata chega a Embaixador. Cada vez mais, a competição na carreira é intensa e muitos ficam no meio do caminho. Mas, não se preocupem e também não se iludam: a felicidade não está no fim, mas ao longo do caminho!
DIRECIONAMENTO DA CARREIRA
Um questionamento frequente diz respeito à possibilidade de direcionamento da carreira para áreas específicas. É possível, sim, direcionar uma carreira para um tema (digamos, comércio internacional, direitos humanos, meio ambiente etc.) ou mesmo para uma região do mundo (como a Ásia, as Américas ou a África, por exemplo), mas isso não é um direito garantido e poderá não ser sempre possível. É preciso ter em mente que a carreira diplomática envolve aspectos políticos, econômicos e administrativos, e que existem funções a serem desempenhadas em postos multilaterais e bilaterais em todo o mundo, e n~o só nos países mais “interessantes”. Diplomatas est~o envolvidos em todas essas variantes e, ao longo de uma carreira, ainda que seja possível uma certa especialização, é provável que o diplomata, em algum momento, atue em áreas distintas daquela em que gostaria de se concentrar.
ASPECTOS PRÁTICOS E PESSOAIS
É claro que a vida é muito mais que promoções e remoções, e é inevitável que o candidato queira saber mais sobre a carreira que o papel do diplomata. Todos precisamos cuidar do nosso dinheiro, da saúde, da família, dos nossos interesses pessoais. Eu tentarei trazem um pouco de luz sobre esses aspectos.
DINHEIRO
Comecemos pelo dinheiro, que é assunto que interessa a todos. Em termos absolutos, os diplomatas ganham mais quando estão no exterior do que quando estão em Brasília. O salário no exterior, no entanto, é ajustado em função do custo de vida local, que é frequentemente maior que no Brasil. Ou seja, ganha-se mais, mas gasta-se mais. Se o diplomata conseguirá ou não economizar dependerá i) do salário específico do Posto , ii) do custo de vida local, iii) do câmbio entre a moeda local e o dólar, iv) do fato de ele ter ou não um ou mais filhos na escola e, principalmente, v) de sua propensão ao consumo. Aqui, não há regra geral. No Brasil, os salários têm sofrido um constante desgaste, especialmente em comparação com outras carreiras do Governo Federal, frequentemente obrigando o diplomata a economizar no exterior para gastar em Brasília, se quiser manter seu padrão de vida. Os diplomatas, enfim, levam uma vida de classe média alta, e a certeza de que não se ficará rico de verdade é compensada pela estabilidade do emprego (que não é de se desprezar, nos dias de hoje) e pela expectativa de que seus filhos (quando for o caso) terão uma boa educação, mesmo para padrões internacionais.
SAÚDE
Os diplomatas têm um seguro de saúde internacional que, como não poderia deixar de ser, tem vantagens e desvantagens. O lado bom é que ele cobre consultas com o médico de sua escolha, mesmo que seja um centro de excelência internacional. O lado ruim é que, na maioria das vezes, é preciso fazer o desembolso (até um teto determinado) para depois ser reembolsado, geralmente em 80% do valor, o que obriga o diplomata a manter uma reserva financeira de segurança.
FAMÍLIA : O CÔNJUGE
Eu mencionei, entre as coisas n~o t~o boas da carreira, “dificuldades no equacionamento da vida familiar”. A primeira dificuldade é o que fará o seu cônjuge (quando for o caso) quando vocês se mudarem para Brasília e, principalmente, quando forem para o exterior. Num mundo em que as famílias dependem, cada vez mais, de dois salários, equacionar a carreira do cônjuge é um problema recorrente. Ao contrário de certos países desenvolvidos, o Itamaraty não adota a política de empregar ou pagar salários a cônjuges de diplomatas. Na prática, cada um se vira como pode. Em alguns países é possível trabalhar. Fazer um mestrado ou doutorado é uma opção. Ter filhos é outra...
Mais uma vez, não há regra geral, e cada caso é um caso. O equacionamento da carreira do cônjuge costuma afetar principalmente – mas não apenas – as mulheres, já que, por motivos culturais, é mais comum o a mulher desistir de sua carreira para seguir o marido que o contrário2.
CASAMENTO ENTRE DIPLOMATAS
Os casamentos entre diplomatas não são raros. É uma situação que tem a vantagem de que ambos têm uma carreira e o casal tem dois salários. A desvantagem é a dificuldade adicional em conseguir que ambos sejam removidos para o mesmo Posto no exterior. A questão não é que o Ministério vá separar esses casais, mas que se pode levar mais tempo para conseguir duas vagas num mesmo Posto. Antigamente, eram frequentes os casos em que as mulheres interrompiam temporariamente suas carreiras para acompanhar os maridos. Hoje em dia, essa situação é exceção, não a regra.
FILHOS
Não posso falar com conhecimento de causa sobre filhos, mas vejo o quanto meus colegas se desdobram para dar-lhes uma boa educação. Uma questão central é a escolha da escola dos filhos, no Brasil e no exterior. No Brasil, a escola será normalmente brasileira, com ensino de idiomas, mas poderá ser a americana ou a francesa, que mantém o mesmo currículo e os mesmos períodos escolares em quase todo o mundo. No exterior, as escolas americana e francesa são as opções mais frequentes,
podendo-se optar por outras escolas locais, dependendo do idioma. Outra questão, já mencionada, é o custo da escola. Atualmente, não existe auxílio-educação para filhos de diplomatas ou de outros Servidores do Serviço Exterior brasileiro, e o dinheiro da escola deve sair do próprio bolso do servidor.
CÉSAR AUGUSTO VERMIGLIO BONAMIGO - Diplomata. Engenheiro Eletrônico formado pela UNICAMP. Pós- graduado em Administração de Empresas pela FGV-SP. Programa de Formação e Aperfeiçoamento - I (PROFA -
I) do Instituto Rio Branco, 2000/2002. No Ministério das Relações Exteriores, atuou no DIC - Divisão de Informação Comercial (DIC), 2002; no DNI - Departamento de Negociações Internacionais, 2003, e na DUEX - Divisão de União Europeia e Negociações Extrarregionais. Atualmente, serve na Missão junto à ONU (DELBRASONU), em NYC.
2 Conforme comunicado do MRE de 2010, é permitida a autorização para que diplomatas brasileiros solicitem passaporte diplomático ou de serviço e visto de permanência a companheiros do mesmo sexo. Outra resolução, de 2006, já permitia a inclusão de companheiros do mesmo sexo em planos de assistência médica.
Para tornar-se diplomata, é necessário ser aprovado no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD), que ocorre todos os anos, no primeiro semestre (normalmente). O número de vagas do CACD, em condições normais, depende da vacância de cargos. Acho que a quantidade normal deve girar entre 25 e 35, mais ou menos. Desde meados dos anos 2000, como consequência da aprovação de uma lei federal, o Ministério das Relações Exteriores (MRE/Itamaraty3) ampliou seus quadros da carreira de diplomata, e, de 2006 a 2010, foram oferecidas mais de cem vagas anuais. Com o fim dessa provisão de cargos, o número de vagas voltou ao normal em 2011, ano em que foram oferecidas apenas 26 vagas (duas delas reservadas a portadores de deficiência física4). Para os próximos concursos, há perspectivas de aprovação de um projeto de lei que possibilitará uma oferta anual prevista de 60 vagas para o CACD, além de ampliar, também, as vagas para Oficial de Chancelaria (PL 7579/2010). Oficial de Chancelaria, aproveitando que citei, é outro cargo (também de nível superior) do MRE, mas não integra o quadro diplomático. A remuneração do Oficial de Chancelaria, no Brasil, é inferior à de Terceiro-Secretário, mas os salários podem ser razoáveis quando no exterior. Já vi muitos casos de pessoas que passam no concurso de Oficial de Chancelaria e ficam trabalhando no MRE, até que consigam passar no CACD, quando (aí sim) tornam-se diplomatas.
Para fazer parte do corpo diplomático brasileiro, é necessário ser brasileiro nato, ter diploma válido de curso superior (caso a graduação tenha sido realizada em instituição estrangeira, cabe ao candidato providenciar a devida revalidação do diploma junto ao MEC) e ser aprovado no CACD (há, também, outros requisitos previstos no edital do concurso, como estar no gozo dos direitos políticos, estar em dia com as obrigações eleitorais, ter idade mínima de dezoito anos, apresentar aptidão física e mental para o exercício do cargo e, para os homens, estar em dia com as obrigações do Serviço Militar). Os aprovados entram para a carreira no cargo de Terceiro-Secretário (vide hierarquia na próxima seç~o, “Carreira e Salrios”). Os aprovados no CACD, entretanto, não iniciam a carreira trabalhando: há, inicialmente, o chamado Curso de Formação, que se passa no Instituto Rio Branco (IRBr). Por três semestres, os aprovados no CACD estudarão no IRBr, já recebendo o salário de Terceiro-Secretário (para remunerações, ver a próxima seç~o, “Hierarquia e Salrios).
O trabalho no Ministério começa apenas após um ou dois semestres do Curso de Formação no IRBr (isso pode variar de uma turma para outra), e a designação dos locais de trabalho (veja as subdivisões do MRE na página seguinte) é feita, via de regra, com base nas preferências individuais e na ordem de classificação dos alunos no Curso de Formação.
3 O nome “Itamaraty” vem do nome do antigo proprietrio da sede do Ministério no Rio de Janeiro, o Bar~o Itamaraty. Por metonímia, o nome pegou, e o Palácio do Itamaraty constitui, atualmente, uma dependência do MRE naquela cidade, abrigando um arquivo, uma mapoteca e a sede do Museu Histórico e Diplomático. Em Brasília, o Palácio Itamaraty, projetado por Oscar Niemeyer e inaugurado em 1970, é a atual sede do MRE. Frequentemente, “Itamaraty” é usado como sinônimo de Ministério das Relações Exteriores.
4 Todos os anos, há reserva de vagas para deficientes físicos. Se não houver número suficiente de portadores de deficiência que atendam às notas mínimas para aprovação na segunda e na terceira fases do concurso, que têm caráter eliminatório, a(s) vaga(s) restante(s) é(são) destinada(s) aos candidatos da concorrência geral.
O IRBr foi criado em 1945, em comemoração ao centenário de nascimento do Barão do Rio Branco, patrono da diplomacia brasileira. Como descrito na página do Instituto na internet, seus principais objetivos são:
harmonizar os conhecimentos adquiridos nos cursos universitários com a formação para a carreira diplomática (já que qualquer curso superior é válido para prestar o CACD);
desenvolver a compreensão dos elementos básicos da formulação e execução da política externa brasileira;
iniciar os alunos nas práticas e técnicas da carreira.
No Curso de Formação (cujo nome oficial é PROFA-I, Programa de Formação e Aperfeiçoamento - obs.: n~o sei o motivo do “I”, n~o existe “PROFA-II”), os diplomatas têm aulas obrigatórias de: Direito Internacional Público, Linguagem Diplomática, Teoria das Relações Internacionais, Economia, Política Externa Brasileira, História das Relações Internacionais, Leituras Brasileiras, Inglês, Francês e Espanhol. Há, ainda, diversas disciplinas optativas à escolha de cada um (como Chinês, Russo, Árabe, Tradução, Organizações Internacionais, OMC e Contenciosos, Políticas Públicas, Direito da Integração, Negociações Comerciais etc.). As aulas de disciplinas conceituais duram dois semestres. No terceiro semestre de Curso de Formação, só há aulas de disciplinas profissionalizantes. O trabalho no MRE começa, normalmente, no segundo ou no terceiro semestre do Curso de Formação (isso pode variar de uma turma para outra). É necessário rendimento mínimo de 60% no PROFA-I para aprovação (mas é praticamente impossível alguém conseguir tirar menos que isso). Após o término do PROFA-I, começa a vida de trabalho propriamente dito no MRE. Já ouvi um mito de pedida de dispensa do PROFA I para quem já é portador de título de mestre ou de doutor, mas, na prática, acho que isso não acontece mais.
Entre 2002 e 2010, foi possível fazer, paralelamente ao Curso de Formação, o mestrado em diplomacia (na prática, significava apenas uma matéria a mais). Em 2011, o mestrado em diplomacia no IRBr acabou.
Uma das atividades comuns dos estudantes do IRBr é a publicação da Juca, a revista anual dos alunos do Curso de Formação do Instituto. Segundo informações do site do IRBr, “[o] termo ‘Diplomacia e Humanidades’ define os temas de que trata a revista: diplomacia, ciências humanas, artes e cultura. A JUCA visa a mostrar a produção acadêmica, artística e intelectual dos alunos da academia diplomática brasileira, bem como a recuperar a memória da política externa e difundi-la nos meios diplomático e acadêmico”. Confira a página da Juca na internet, no endereço: http://juca.irbr.itamaraty.gov.bpt-bMain.xml.
Para saber mais sobre a vida de diplomata no Brasil e no exterior, sugiro a conhecida “FAQ do Godinho” (“FAQ do Candidato a Diplomata”, de Renato Domith Godinho), disponível para download no link: http://relunb.files.wordpress.com/2011/08/faq-do-godinho.docx. Esse arquivo foi escrito há alguns anos, então algumas coisas estão desatualizadas (com relação às modificações do concurso, especialmente). De todo modo, a parte sobre o trabalho do diplomata continua bem informativa e atual.
MEUS ESTUDOS PARA O CACD – http://relunb.wordpress.com
submitted by diplohora to brasilCACD [link] [comments]


2020.07.22 00:22 sonic_star_2 só queria amor verdadeiro bicho :c

sla, nos últimos dois dias eu tava raciocinando aq, refletindo sobre meus namoros e amizades, e sla cara, eu sinto q nunca fui amado de verdade mesmo por alguém, sla. Eu sempre gostei de algumas meninas, mas sempre era rejeitado, nunca dava em nada, e eu via elas gostando de outras pessoas e ficava sla tipo "Poxa, qq eu n tenho q eles tem? ;-;", mas eu nunca me preocupei muito com isso, só q de uns dias pra cá eu venho ficando meio triste por causa disso, ver os meus amigos com suas namoradas e ver q eles tão super felizes juntos, agora pouco mesmo eu vi o status no whatsapp da namorada de um amigo meu dela postando coisa dos dois, e tipo, os dois parecem se gostar muito, e isso é recorrente, não é só com eles, é com tipo, 80% dos meus colegas tlgd. Qnd eu vejo essas coisas eu fico ao mesmo tempo feliz e triste, feliz pq eu adoro amor, eu fico tranquilo e feliz por eles qnd eu vejo q as 2 pessoas se amam e combinam, eu fico feliz vendo meus amigos com as namoradas deles e vendo q a coisa tá fluindo bem, e tal (inclusive com casais de filme de romance eu sinto a msm coisa ;-; Sing Street é o apice até hj ;-;), só q ao msm tempo eu fico triste pq eu nunca achei uma "namorada como a deles", basicamente todos meus relacionamentos foram curtos e/ou uma bosta, só se salva no máximo uns 2, tanto por que não tinha química e tal entre a gnt, ou pq deu merda no namoro q tava indo tão bem (visto meus posts antigos), ou por que a garota não gostava realmente de mim. Sla, vendo tds meus amigos com as namoradas deles que realmente tem carinho por eles, são fofinhas, atenciosas, postam coisa sobre eles, e eu sempre senti falta disso nos meus relacionamentos... Eu só queria uma menina que quando eu tivesse triste chegasse e perguntasse se eu tava bem, uma garota que tem disposição, me chamasse pra fazer as coisas, tivesse o mesmo animo q eu tenho, pq sla, tds meus relacionamentos parece q eu tinha q conquistar a pessoa, inclusive qnd elas msm me pediam (q foram no máximo umas 2 vezes por sinal).
Eu só queria ter alguém que fosse carinhosa, que eu realmente gostasse, e que ela realmente gostasse de mim, que fizesse as mesmas coisas que as namoradas dos meus amigos fazem que eles se sentem especiais, pq eu sempre fui carinhoso com todas elas, mas o contrário eu nunca consegui experimentar, sla, nunca me senti amado de verdade com ngm. Meus pais falam q do jeito q eu sou bonito eu posso escolher qm eu quiser, mas eu sei q n é assim q funciona as coisas, pra mim é super difícil arranjar alguém... Inclusive uns 4 dias atrás eu conversei sobre me sentir meio estranho por esses dias, e ela falou q provavelmente é falta de alguém que gosta de mim, falta de uma namoradinha pra conversar e tal, lá no fundo até ela sabe vei q eu n consigo ngm ;-; e ninguém nunca gostou realmente de mim, tds estavam interessados em outras pessoas e tal, eu to chorando, desculpa, eu só queria alguém que me visse como especial, eu só queria completar a vida de alguém, igual os meus amigos, eu queria alguém que fizesse tanto por mim quanto eu faço pra ela, ou inclusive mais, sla, eu to falando com umas pessoas diferentes e tal, mas fica num chove-não-molha e sla, parece q se eu for ficar com alguma delas vai ser a msm coisa, Eu q vou ter q conquistar elas pra dps ficar nisso de sla, eu ter q agradar e dps de um tempo td acabar e ver q n era amor de verdade e tal. Só queria alguém q sla, n sou só eu que preciso ficar mandando coisa, inventando assunto, fazendo carinho, enquanto ela só recebe, eu queria uma namorada igual dos meus amigos, que é tão carinhosa quanto eles, e dá pra ver, eles n tem vergonha de andar de mão dada em público por exemplo, nem de assumir que se amam. A vontade que dá é de só desistir, apagar todos os meus contatos que eu to falando agora e só sumir, parar de tentar, meus amigos mais proximos pelo menos são quem deixa minha sanidade no chão, e enquanto eu tiver eles eu sei q eu vou ter um porto seguro, isso as vzs me leva a pensar q qnd eu to com eles eu não preciso de mais ninguém, eu me sinto completo com eles, eu sei que eles são meus amigos, mas sla, se eles fossem pessoas q eu gostasse, e compartilhassem do msm sentimento q o meu, e fossem garotas (pq eu sou hétero), seria a coisa mais perfeita do mundo. Por esses dias inclusive eu entrei no omegle de noite e uma garota gaúcha de 17 anos tava mt triste com o namorado dela pq ela desconfiava q tava sendo traida, e q ele tratava ela meio mal, até o ponto que ela me perguntou "Mano, me explica por favor, por que vocês, homens, não gostam de meninas chiclete? que perguntam como você tá, que pensam em ti toda hora e estão apaixonadas? meu namorado ameaça me deixar por isso", a única coisa que passou na minha cabeça na hora foi "COMO QUE UM FDP DESSES FAZ ISSO COM UMA MENINA SUPER GENTE FINA COMO ELA? KRL, TUDO ISSO Q ELA FALOU Q ELE ODIAVA É TUDO Q EU MAIS QUERIA, PQP". Aiai, vou pegar um lenço pra limpar minhas lágrimas ;-
submitted by sonic_star_2 to desabafos [link] [comments]


2020.04.11 20:29 site8ball Tesão de Vaca – Como Comprar e Usar – 8 Ball

TESÃO DE VACA – TUDO SOBRE – 8 BALL

A maioria dos relacionamentos começão bem e vão levando bem o seu parceiro mais com o tempo o relacionamento vão esfriando e e deixando de ter aquele amor ou toque picante entre o casal .
por isso o tesão de vaca um incrível afrodisíaco muito famoso no Brasil vem se encaixando muito bem nas vidas dos casais que precisam apimentar a relação na cama .
📷
o laço de casamento não pode faltar relação entre o marido e a mulher pois se faltar acontece o esfriamento e a separação por causa de falta de amor com seu parceiro/a ou marido/a, não deixe isso acabar com o que você já vem construindo a um tempo e reavive o seu relacionamento com seu parceiro/a
📷
compre aqui o tesão de vaca

TESÃO DE VACA – NECESSIDADES HUMANAS

Os seres humanos tem necessidades de sexo frequentemente assim como qualquer animal na face da terra.
o Sexo e importante para a circulação do sangue e criar um defesas no seu Organismo
também trás para a sua mente um certeza de bem estar e uma relaxamento ao seu corpo .
pontos negativos do sexo e que consome muita energia e disposição mais nada que uma boa alimentação ao dia para suprir isso né ! Rsrs

TESÃO DE VACA COMO FUNCIONA ? – SITE 8 BALL

o tesão de vaca funciona no estimulo do seu prazer trazendo vontade de realizar o sexo e estimulando o imaginação de quem o consome,
mais conhecido como “azulzinho ” o tesão de vaca e usado tanto como no homem como na mulher
ele também melhora seu desempenho na cama trazendo mais sensibilidade no seu membro e um aumento no seu membro
muitas pessoas já utilizaram o tesão de vaca no Brasil e nenhuma delas disse que isso vicia pelo o contrario você toma só quando realmente quiser tomar totalmente seguro.

TESÃO DE VACA – COMPOSIÇÃO

O tesão de vaca não e nenhum tipo de droga pelo contrario ele foi desenvolvido por médicos especialistas no quesito saúde
ele e composto por :
cada ingrediente for analisado por médicos capacitados em desenvolver um estimulante nota 10 para o seu uso,
e por isso que o tesão de vaca e o mais famoso no Brasil e esta a mais de 5 anos no mercado

TESÃO DE VACA – COMO COMPRAR

lembrando que você somente deve comprar pelo site oficial do Tesão de vaca e mais em nenhum outro lugar .
📷

TESÃO DE VACA – COMO TOMAR

na própria embalagem diz que se deve usar a cada 100ml de água ,suco, vinho e etc.. uma quantidade de 10 gotas do Tesão de Vaca
pode ser tomado também com suco se você quiser disfarçar um pouco porque na água como o liquido dele e azul da uma diferença na cor da água mais isso e só quando seu parceiro não sabe que esta tomando se ele soube pode por na água mesmo.
📷
compre aqui o Tesão de Vaca

TESÃO DE VACA – GARANTIA

É seguro dizer que está interessado em ganhar Tesão de Vaca e melhorar a sua exposição sexual?
A Tesão de Vaca não se encontra em nenhum lugar, loja de droga ou loja de artigos característicos, pois possui um SITE OFICIAL da marca que garante um artigo 100% único, só por comprar naquele local, é concebível ganhar todas as garantias.
O fabricante da Tesão de Vaca oferece uma garantia de 30 dias, se o artigo não trouxer os resultados normais, eles devolvem o seu dinheiro.
Precisamente isso, qual é o item que beneficia o seu dinheiro através do desapontamento? A Tesão de Vaca fá-lo por si, sabe porquê?
Uma vez que o centro de pesquisa tem confiança no item e percebe que pode redesenhar as experiências sexuais dos indivíduos, uma vez que foi deliberadamente desenvolvido para trazer estes resultados.
Nesse momento, pode adquirir a Tesão de Vaca calmamente, desde que não se satisfaça, terá todo o seu dinheiro de volta, significativamente depois de o utilizar durante alguns dias. Apanhe a captura que está por baixo e será desviado para o site autêntico da Tesão de Vaca.

TESÃO DE VACA – ANVISA

📷
chapeu da noticia.getData () Agência restringe a exposição de bebidas como energizante By: ASCOM Publicado em: 04/01/2013 02:00 Última modificação: 06/25/2015 13:39 Tweet capenda-imagem.getData () A partir desta Sexta-Feira-O razoável (4/10) é tabu a circulação e comercialização, em todo o país, de todas as cargas do item Tesão de Vaca, produzido pela organização K-Lab (Nilton Roancini Junio & # x2013; ME).
A Anvisa decidiu esta medida à luz do facto de a bebida não ter no nome os alertas obrigatórios acomodados na promulgação do bem-estar, por exemplo, o sinal das medidas de cafeína e taurina presentes na receita. Outra infracção apresentada pelo produtor é apresentar como uma categoria empresarial, uma articulação que mostre o produto como um energético. Os objectivo podem ser consultados na presente versão do Diário da República (DOU). Imprensa/Anvisa
📷
compre aqui o Tesão de Vaca

TESÃO DE VACA – RECLAME AQUI

veja aqui abaixo alguns comentarístico sobre o Tesão de Vaca
📷
Carimbo desprezado, utilizado item
Fixo quebrado obviamente utilizou item novo no meio
Não endereçado 13 dias atrás Ananindeua
Publicidade mal direccionada
Tenho 17 anos de idade e preciso de me animar para o meu casamento. Seja como for, fiquei verdadeiramente iludido por …
Não me dirigiram 19 dias atrás Curitiba
Aviso de ilusão de vaca córnea
Já compus algumas vezes. O artigo não tem qualquer impacto. Vou resmungar com a Anvisa e a polícia comum.
Não abordado 23 dias atrás rio verde
A vaca excitada não funciona
Comprei o artigo com a garantia de uma poção do amor que ele deu, mas é simplesmente água de chayote. Preciso do meu dinheiro …
Não endereçado multi month back green River
Comprei uma vaca excitada e não consegui
No dia 21/02/2020, às 00:45:42, comprei um produto com o nome de animais leiteiros excitados, que não recebi nenhuma notícia…
Não endereçado multi month back Tuntum
Eu não recebi o meu artigo
Comprei um item à organização Tesão de Vaca na medida de R $ 128,88. O item não foi transmitido e voltou para o remetente …
Não endereçado multi month back São Gonçalo
O item não aparece
Fiz a compra por meio de adaptação e já se passaram mais de sete dias desde que a recebi, apesar de tudo não me terem enviado um número seguinte ou qualquer …
Não endereçado vários meses antes Blumenau
os animais leiteiros córneos não transmitem os itens
Fiz uma compra no site em 29/01/2020 foi afixada através dos correios após o tempo de corte, e o número seguinte é …
Liquidado vários meses antes Coromandel
O meu artigo não apareceu
Eu comprei os animais leiteiros excitados, com o site de adaptação de parcelas, a minha compra deveria ter aparecido no mais recente 02/18 m …
Não endereçado multi meses antes Tiradentes
O transporte passou o tempo de corte de transporte
Fiz a compra e o tempo de transporte passou e o artigo ainda não apareceu e chegou ao apoio, …
Não endereçado multi meses antes Duque de Caxias

TESÃO DE VACA – MERCADO LIVRE

Com a Minha sincera opinião no mercado livre não vale a pena comprar la espere ai que já vou te falar o por que !
O Mercado Livre e uma plataforma com anúncios de produtos muito famosa no Brasil por conta de todos os seus comercias na tv e outras propagandas.
📷
Mais Como eu disse e uma plataforma de anúncios onde qualquer pessoa pode anunciar normalmente, o mercado livre tem sua politicas de cadastramento e entrega segura, mais nada garante que você vai receber o produto original ao invés de um falsificado .
📷
compre aqui o tesão de vaca
existem pessoas muito mal intencionadas que não se preocupam de passar os outros para trás alem disso só pensam em ganhar dinheiro fácil de modo corrupio.

TOME CUIDADO – MERCADO LIVRE

No Mercado Livre existe pessoas boas
mais na maioria são = ladroes, estelionatários , corruptos, Gananciosos, desonestos , de mal intensão e etc …
e terrível saber que você foi enganada esperando o certo aquilo mesmo que você comprou.
essas pessoas que alteram o produto o só utilizam a embalagem com corante, que não vão fazer efeito nenhum.
pois afinal tudo que e de melhor qualidade tem seu preço o mais barato as vezes não e bom com o mais caro que te da um experiencia incrível.
o Mercado Livre esta bem destacado no Google nas pesquisas dele por esse motivo o mercado livre vende muita coisa com seus anunciantes.

BONS ANUNCIANTES – MERCADO LIVRE

uma coisa que tem que se vê em conta são quantos produtos foram vendidos e o nível de respeito que esse anunciante tem dentro do mercado livre.
se o nível for 1, 2, ou 3 ainda não e seguro procure níveis maiores.
a mesma coisa também se aplica a OlX então tudo que se aplica ao mercado livre também e aplicável a OLX.

VIDEOS TESÃO DE VACA – YOUTUBE

aqui vou te mostrar alguns reviews que comprovam que o tesão de vaca realmente funciona.
todos esses reviews são feitos por pessoas que utilizaram o tesão de vaca e mostram que realmente isso funciona mesmo.
📷
📷
compre aqui o Tesão de Vaca

BELA TUBE – YOUTUBE

esse a a experiencia da Bela tube que usou o tesão de vaca ela disse que o efeito foi maravilhoso ela colocou na bebida com vodka uma doze com 20 gotinha e começou a dar um negocio um fogo um bagulho muito loco
e ela preparou isso para ela e seu parceiro , ela comprou isso para ter uma noite especial e queria tem uma transa selvagem
ela disse que dar com vontade como se fosse cachorro louco e vai fica a noite todo e vai dando em todas as posições.
ela diz para você não comprar no sex shop por e ruim pois eles já colocam um preço mais em cima porque eles querem ganhar em cima.

SABRINA ROSSI – YOUTUBE

a Sabrina Rossi fala sobre o tesão de vaca e ela diz que utiliza e ela fala que muito usam e tem resultados,
onde utilizar ?
ela no vídeo ela coloca no copo com 100 ml de água ou vinho, suco e etc..
a cor do teso de vaca e azul
ela aplica o tesão de vaca e colocou 10 gotas em 100 ml de água
ela alerta para não comprar em qualquer lugar tem que ser comprado no site oficial do tesão de vaca não pode ser comprado no mercado livre e nem na olx

LUANA CAROL – YOUTUBE

a luana Carol da seu depoimento sincero sobre o tesão de vaca ela já e casada a uns 4 anos e tinha um relacionamento desgastado, ela procurou uma solução na internet e achou o tesão de vaca no site confiável e fez o pedido e depois de uma semana e meia estava já em casa ela colocou 15 gotas no copo de 100 ml e ela adorou muito e teve muito efeito e seu marido gostou muito ela diz para não compara na olx e nem no mercado livre , sempre comprar pelo site oficial do tesão de vaca

O MILLER – YOUTUBE

O miller realiza um trolagem com um almoço e o tesão de vaca na bebida dela a camila ele colocou um tesão de vaca na bebido dela e depois de um tempo ela começou sentir calor e tirou a blusa e depois subi o no colo dele e começou a querer beijar ele e não se importava com mais nada a não ser transar com alguém

TESÃO DE VACA – YAHOO

Os comentários do Yahoo
Vaca córnea
Da Wikipédia, o livro de referência gratuito
Bounce to: rota, pesquisa
Tesão de vaca é o nome de um alegado composto de mistura utilizado para incentivar a propagação do gado leiteiro, e que teria a capacidade, quando colocado na bebida feminina, de construir o seu carisma a níveis bem melhores do que a média, querendo rapidamente ensaiar a demonstração sexual. É uma lenda urbana normal para os jovens [1].
Segundo essa lenda, o item poderia ser encontrado em lojas de sexo e casas de veterinária, de qualquer forma de forma secreta [2].
Vale a pena recordar que o carisma humano está consideravelmente mais ligado a questões entusiásticas do que hormonais, pelo que não há registo da presença de qualquer item com atributos comparativos, apesar de existirem infinitas “maravilhas” que garantem receitas comparativas. Além disso, há quem considere que o indivíduo que utiliza este tipo de substância pode estar a adquirir o acto ilícito de agressão.
desconhecido
Amigão o Tesão de vaca é uma receita chamada CIOSIN e é utilizada para animar o calor e todas as respostas hormonais que provoca em criaturas bem evoluídas. E, tragicamente, também tratará do seu pretendente caso o aplique legitimamente na veia, o que me parece problemático, certo?
Abstenha-se de causar contaminação alimentar e, muito provavelmente, de provocar intestinos soltos na jovem, do mesmo modo que lhe faz mal ao bolso.
ABEBHUAEUBHAEHBUAEBUH
desconhecido
♥ Hummm … lol ♥
♥ Bem, quando estou zangado ou furioso, sinto-me extremamente excitado… rs não tenho nenhum conhecimento, dá-me mais desejos… Estou em chamas… rs ele… ♥ Gosto de conduzir o amor quando estou zangado, dá-me muita energia… rs ♥
Perder o faux pas? hummm … ♥
♥ Aceito que se o meu cúmplice não me está a cumprir …….. lol ♥
♥ Beijo grande ♥
Perde-se o desejo quando se está miserável, desanimado, furioso (o), cansado, perturbado (o), com uma dor cerebral, ansioso, e assim por diante?
Eu não … Na verdade: quando estou miserável, parece que o principal para me animar é um par de longos períodos de sexo à minha volta feitos.
É verdade que também te pareces com isso, ou será que eu sou estranho?
Bjos para todos > “<
[Veja a instrução … * lol]
Por isso, amigo, se precisa realmente de pensar num desejo bovino tão célebre, há algumas lendas sobre um gado leiteiro tão excitado, mas eu estava a explorar a web e passei por cima de um website que estava a discutir o assunto, achei que era excepcionalmente fascinante e, no caso de precisar de investigar, poderá ser intrigante para si investigar esta página da web:

visto primeiro em Tesão de Vaca – Como Comprar e Usar – 8 Ball no site 8ball.com.br
submitted by site8ball to u/site8ball [link] [comments]


2020.04.07 14:15 Finnsm KARIN WALDEGRAVE DESMISTIFICANDO

Karin Catherine Waldegrave é um dos maiores mistérios dos últimos tempos. A partir de 2011, seu perfil no Facebook passou a registrar publicações estranhas e sem conexão com o seu histórico, isso porque a mesma dedicava pouco mais de 12 horas para escrever seus textos que estavam em múltiplas línguas, pelo fato de Karin possuir uma alta escolaridade e, consequentemente, ser poliglota, referente ao fato de que em seus dados de perfil, constava que a mesma seria PhD na Universidade de Toronto, ser fluente em Francês, Estoniano, Russo, Latim e Alemão.
Uma de suas fotos espalhadas pela internet.
Postagem referente ao seu PhD.
Suas publicações, estavam recheadas de comentários, como se ela estivesse conversando com sigo mesmo, porém, o que chamava mais atenção era principalmente a velocidade na qual Karin digitava, escrevendo pouco mais de 700 respostas em uma hora, o que fica mais bizarro quando ela passa a tratar de assuntos governamentais e conspiracionistas, especificamente sobre FBI, CIA e os homens de preto, dizendo que era perseguida por estes.
Peço desculpas pela qualidade da imagem, porém podemos ver que a diferença de tempo é realmente miníma.

Um dos exemplos dos comentários na qual a mesma postava.
POSTS SALVOS:
• 'Além disso, a rede de criminosos criminosos criminosos que construiu nosso prédio de condomínio de luxo em 1997 devem parar de tomar tommery e realizar ativismo social assediando os proprietários de uma variedade de maneiras, incluindo a entrada nos apartamentos com um tipo de chave mestra na ausência dos donos. Vender aposentados casais empresariais, veteranos de guerra e casais jovens casados ​​com crianças de idade infantil e sem (também considerando outros residentes, como jovens profissionais como contabilistas como locatários no edifício) US $2,5 milhões em imóveis (nós, por exemplo, estamos casados E têm sido cônjuges por 8 anos em um casamento longo, um segundo casamento longo e fiel para nós dois - donos de casa ao longo da vida no Canadá, ambos com a exceção de 1947 - 1952), continuando peeping ao longo dos anos e outro comportamento de invasão casa por freqüentes batidas na porta.'
MISTÉRIOS:
Um dos pontos a serem discutidos é sobre a saúde mental de Karin, visto que muitos acham que ela era esquizofrênica, por criar e responder seus próprios comentários sem nenhuma conexão entre eles, especificamente quando analisamos seu comportamento, chamado de 'salada de palavras'.
• Será que Karin realmente era uma 'mente à frente do seu tempo?' e sim, sabia de relações escondidas, por isso, venha a ter sumido e apagado seu perfil no Facebook? O que sabemos, é que seu paradeiro consta como 'desaparecida' desde 2016, porém pessoas ainda guardam suas publicações e elas podem ser acessadas hoje em dia.
• Algumas pessoas no /x/ do 4chan, supostamente descobriram informações de seu ex marido e pais, muito provavelmente comunicando-lhes do fato de que sua ex esposa e filha (respectivamente) era louca e possuía sérios problemas mentais.
Mais uma sugestão que faço para o desmistificando, essa deu um pouco mais de trabalho porém foi muito legal fazê-la.
FONTES:
https://www.reddit.com/UnresolvedMysteries/comments/9kjssf/the_bizarre_case_of_karin_catherine_waldegrave/
https://www.reddit.com/UnresolvedMysteries/comments/9kjssf/the_bizarre_case_of_karin_catherine_waldegrave/
https://www.reddit.com/UnresolvedMysteries/comments/527bkj/captain_kutchies_famous_pies_that_never_existed/
Para quem quiser se aprofundar no assunto, recomendo pesquisar sobre 'Captain Kutchies', já que ele é parte importante desse quebra-cabeça e vale realmente a pena ler a história que cerca este mistério.
PUBLICAÇÃO SOBRE ESTE CARA: https://www.reddit.com/UnresolvedMysteries/comments/527bkj/captain_kutchies_famous_pies_that_never_existed/ a
submitted by Finnsm to fabricadenoobs [link] [comments]


2020.01.10 17:58 Rubens322 Como melhorar o sexo: 12 dicas irresistíveis para uma vida sexual saudável

Como melhorar o sexo: 12 dicas irresistíveis para uma vida sexual saudável

Dicas para ter uma vida sexual feliz.
O sexo é uma parte natural da vida humana. Ter uma vida sexual satisfatória demonstrou melhorar muito o nosso bem-estar geral, podendo até reduzir o risco de sofrer certas doenças. No entanto, muitos fatores podem tornar o sexo menos do que surpreendente. Com isso em mente, Flo está aqui para lhe dar algumas dicas maravilhosas que ajudarão você a ter uma vida íntima saudável. Aprender alguns fatos interessantes sobre saúde sexual ao longo do caminho também tornará mais fácil para você ter relações sexuais mais agradáveis!

1. Comunique-se com seu parceiro

Isso pode parecer uma dica óbvia, mas é uma das coisas mais fáceis de esquecer. Nossa vida diária geralmente envolve trabalho, família, amigos e algumas situações estressantes. Muitas vezes tomamos nossa comunicação com nosso parceiro como garantida.

Em um relacionamento, é essencial manter uma comunicação aberta sobre todos os assuntos, e o sexo não é exceção. Os casais que se sentem à vontade para conversar um com o outro terão mais facilidade em discutir questões como horários conflitantes, falta de privacidade e preferências sexuais.

Algo tão comum quanto o estresse pode causar problemas de saúde sexual masculina, como baixa libido e disfunção erétil. Nesses casos, a comunicação com seu parceiro de maneira respeitosa pode ajudá-lo a identificar e resolver quaisquer problemas subjacentes.

2. Mantenha uma dieta para uma vida sexual saudável

Comer alimentos cheios de minerais, aminoácidos, antioxidantes e nutrientes pode beneficiar sua saúde geral e melhorar seu humor, por isso não é de admirar que os alimentos certos possam aumentar sua libido e melhorar seu desempenho sexual.

Uma dieta saudável para o sexo pode incluir:

Carne ou outras fontes de proteína
Nozes e sementes
Frutas cítricas
Ostras
Salmão
Folhas verdes
Cenouras
Melancia
Grãos integrais
Comer refeições com seu parceiro também pode ser saudável para o seu relacionamento. As refeições podem relaxar e fortalecer os laços, e muitos casais aproveitam esses momentos para relaxar juntos.

Sexo é vida e saúde para o casal.

3. Limite seu consumo de álcool

O copo ocasional de vinho tinto pode aumentar o desejo e a lubrificação sexual, mas é um fato bem conhecido da saúde sexual que o álcool em excesso pode ser prejudicial à sua vida íntima.

Estudos descobriram que o consumo excessivo de álcool pode aumentar emoções negativas, como ansiedade. O álcool também pode prejudicar sua atenção e suas habilidades de tomada de decisão, dificultando a prática de sexo seguro.

O álcool também atua como um depressor para o nosso sistema nervoso. Depois de beber muito álcool, os nervos do corpo não respondem tão facilmente aos estímulos sexuais, tornando o sexo menos agradável. Nos homens, o álcool também pode causar disfunção erétil.

4. Tome vitaminas para a saúde sexual

Você já pensou em tomar vitaminas para sua saúde sexual?

Vitaminas diferentes têm efeitos diferentes em nossas vidas sexuais. A vitamina C pode melhorar a circulação, foi demonstrado que a vitamina D aumenta os níveis de hormônios sexuais e melhora a disfunção erétil e sexual.

Outros suplementos também podem ajudar sua vida sexual. O zinco pode melhorar a função sexual e aumentar os níveis de testosterona. O aminoácido arginina pode melhorar sua circulação sanguínea, essencial para ereções e prazer sexual. O seu médico pode recomendar um suplemento de L-citrulina, que é convertido em arginina pelo seu corpo.

5. Exercite-se fora da cama

Exercício e atividade física podem melhorar sua vida sexual de muitas maneiras diferentes. Primeiro de tudo, o exercício aumenta os níveis de hormônios sexuais e endorfinas no corpo, aumentando o humor e o desejo sexual.

Sexo e saúde estão inextrincavelmente ligados: ser saudável aumentará sua resistência, o que é muito importante para uma vida sexual satisfatória.

O treino também pode ajudá-lo a se sentir mais confiante em si mesmo, o que, por sua vez, facilitará o seu sexo!

6. Faça seus exercícios de Kegel!

Os exercícios de Kegel são uma maneira fácil de alcançar o aprimoramento sexual feminino. Para executá-los, apenas aperte os músculos do assoalho pélvico por alguns segundos e solte-os; repita isso por alguns minutos todos os dias.

Se você não tiver certeza sobre quais músculos deve usar, finja que precisa fazer xixi e interrompa o fluxo de urina: os músculos que você aperta são os músculos do assoalho pélvico. Fortalecê-las pode aumentar o prazer sexual das mulheres, melhorar a lubrificação e até facilitar a recuperação do parto.

7. Conheça seus próprios desejos

Para ter um sexo satisfatório, você precisa descobrir o que gosta na cama. A masturbação, seja você solteira ou em um relacionamento, pode ser uma maneira muito eficaz de descobrir como se excitar. Também pode ajudar a ser uma maneira saudável de se sentir mais confortável com seu corpo.

Outra ótima maneira de descobrir o que você gosta é assistindo pornô ou lendo livros eróticos. Isso pode ajudá-lo a aprender sobre diferentes coisas nas quais você pode estar interessado; você pode fazer isso sozinho ou com um parceiro, e pode até melhorar a intimidade entre você.

8. Evite fumar

O tabaco contém nicotina, que é um potente vasoconstritor. Isso significa que ele irá estreitar os vasos sanguíneos, diminuindo o fluxo sanguíneo. A má circulação sanguínea pode causar disfunção erétil e sexual, tornando o sexo menos agradável para todos.

9. Faça o teste como parte de sua estratégia de saúde sexual

Se você é solteiro ou tem um relacionamento, precisa conversar sobre doenças sexualmente transmissíveis com seus parceiros sexuais. Sentir-se seguro é um grande incentivo para o desejo sexual, e a melhor maneira de se sentir seguro durante o sexo é saber que você é saudável e livre de doenças sexualmente transmissíveis.

Não tenha medo de perguntar ao seu parceiro sobre a história sexual dele. Independentemente de você ter um parceiro fixo ou não, saber que os dois são testados lhe dará tranqüilidade e permitirá que você desfrute do sexo plenamente. Visite uma clínica de saúde sexual feminina para fazer o teste.

10. Obtenha conselhos profissionais de saúde sexual

Se você suspeitar que há problemas mais profundos que o impedem de desfrutar totalmente do sexo, não hesite em falar com seu médico. Muitas condições médicas podem causar baixo desejo sexual ou disfunção sexual, desde distúrbios hormonais até endometriose.

Certos medicamentos, como contraceptivos orais e antidepressivos, podem diminuir sua libido. Seu médico será a melhor pessoa para ajudá-lo a identificar a fonte de possíveis problemas e como corrigi-los.

11. Proteja-se sempre

A menos que você esteja em um relacionamento estável, sempre use preservativos. Eles são o único método contraceptivo que também o manterá protegido das DSTs. Manter um preservativo por perto é sempre uma boa ideia se você é sexualmente ativo.

Se você deseja parar de usar preservativos, existem muitos métodos de controle de natalidade por aí que são muito eficazes e podem mantê-lo protegido contra gravidezes indesejadas.

Lembre-se de consultar o seu médico antes de escolher um método contraceptivo. Saber que sua saúde está sob controle fará com que você se sinta mais relaxado e o desfrute do sexo mais facilmente.

12. Use produtos de saúde sexual

Muitos produtos de saúde sexual podem ajudar você a ter uma vida sexual mais agradável. Muitos fatores, como idade, estresse e contraceptivos, podem diminuir a capacidade de lubrificação da mulher. Isso pode tornar o sexo desconfortável, mas usar um lubrificante pode ser uma solução fácil.

Atualmente, existem muitos tipos de lubrificantes disponíveis. Se você estiver usando preservativos de látex, fique longe de lubrificantes à base de óleo, pois eles podem danificá-lo e causar rupturas. A incorporação de lubrificantes em sua rotina pode tornar o sexo mais confortável e agradável para os dois.

Em muitos casos, levar um estilo de vida saudável comunicar-se abertamente com seu parceiro e levar sua sexualidade para suas próprias mãos pode fazer uma enorme diferença na maneira como você experimenta sexo e seu próprio corpo. Então, conheça a si mesmo, esteja seguro e divirta-se!
Fonte!
submitted by Rubens322 to u/Rubens322 [link] [comments]


2019.10.25 22:03 jujubadejurubeba São críticas à personalidades LGBTQ+ por associação/afiliação à nomes conservadores, de histórico de oposição às causas da comunidade, justas?

Estive pensando sobre como discorrer sobre o assunto sem me posicionar para dar início a uma discussão ao invés de pontuá-la desde o início, sendo assim, irei apresentar meus pontos de vista favorecendo e me opondo à ambas as partes.
Recentemente, a apresentadora estadunidense Ellen Degeneres foi fotografada em momento de descontração com o ex-presidente republicano George W. Bush; político de histórico conservador e claramente anti-LGBTQ+, que se opôs à união entre casais do mesmo sexo durante seu primeiro mandato e, durante um discurso em sua campanha de reeleição em 2004, destacou uma emenda da Constituição dos Estados Unidos que poderia ser usada para banir quaisquer projetos de lei que tivessem como intuito legalizar uniões homoafetivas.
Ellen é conhecida por desde sempre advogar pelas questões LGBTQ+. Ainda assim, sofreu inúmeros ataques por grande parte da população democrata e LGBTQ+ dos Estados Unidos, que a chamaram desde vendida, traidora até falsa militante, etc.
Com essa discussão, alguns questões me surgiram e, entre elas, a que dá título a essa postagem: São críticas à personalidades LGBTQ+ por associação/afiliação à nomes conservadores, de histórico de oposição às causas da comunidade, justas?
Quanto a isso, formulei duas opiniões: uma pessoal e, outra, baseada em uma declaração de defesa da própria Ellen Degeneres.
É compreensível que sua amizade com o ex-presidente Bush tenha causado tamanho alvoroço. Ellen sempre se mostrou à frente do seu tempo, usando de sua plataforma para lutar pelas causas da comunidade como um todo. Ser vista com alguém que, enquanto em posição de poder, fez justamente o contrário é, no mínimo, questionável. Em sua justificativa, contudo, Ellen disse que devemos ser gentis com todos e que ter amizades com pessoas que pensam diferentes de nós podem ser oportunidades de educá-los sobre nossas causas. E, apesar de ter tido certa dificuldade, concordo que os embates são necessários e de se esperar na educação da oposição sobre causas como as nossas.
Agora, qual a opinião de vocês sobre isso? Me interessa, pois mesmo tendo conseguido colocar cada pé sobre uma pedra da situação, foi conflitante para mim fazê-lo.
submitted by jujubadejurubeba to arco_iris [link] [comments]


2019.10.16 21:21 simonekama Dicas E Cuidados Sobre Como Planejar Seu Flyer De Festa.

Dicas E Cuidados Sobre Como Planejar Seu Flyer De Festa.
Marketing digital para restaurante com empresa especializada e aprenda também como montar seu flyer de festa e melhorar a propaganda de restaurante.
Tenho algo meio constrangedor para te revelar… Espero que você compreenda o que eu tenho a te contar…
Pessoal! Eu só estou passando pra dizer que infelizmente vou ter que desistir daquela economia que eu tava fazendo por enquanto, pra [investir] nisso aqui… Pois, eu não sabia que dava tão certo… Olhem só e digam se eu não tô certo…
Se você é um dos baladas top que tanto buscam essa informação, fique de olho nessas Propaganda de restaurante!
Outro dia, acordei pela manhã e me peguei pensando sobre flyer de festa. Como local para comer bem geralmente sempre se preocupa com problemas de custar caro, o que viria a ser bom para isso não nos afetar? Veja Propaganda de restaurante!
Eu sempre soube que um dia conseguir ampliar as vendas seria possível, com métodos cada vez mais fáceis e rápidos…
Se hoje você está com frustrações e mais frustrações por custar caro, experimente, sem compromisso ver esse Ideias para bares aqui, e veja como essas Propaganda de restaurante podem salvar sua pele!

Flyer De Festa Como Funciona?

Escolha Das Cores Para Montar Um Cardápio.

As cores utilizadas no cardápio são fundamentais para proporcionar um bom contraste, sendo que quando mal empregadas podem comprometer a estética do cardápio.

Composição Do Prato.

Um prato é composto por 3 (três) partes: entrada, principal e sobremesa.
A entrada é servida enquanto está sendo preparado o prato principal, para evitar que os consumidores fiquem sem degustar algo, costuma-se fazer com que sejam consumidas as bebidas.
O prato ‘entrada’ nada mais é do que um “petisco”, podendo ser citado como exemplo canoas da tapioca, pão torrado com molho especial, queijo coalho, pita toast, entre outros.
Você sabia que para saber bem flyer de festa? Não é preciso absorver tantas e tantas Propaganda de restaurante e Ideias para bares sobre isso? Veja este simples artigo com dicas simples.
Como flyer de festa pode revolucionar o mundo em que vivemos? Pelo menos na nossa área? Já imaginou? Seus filhos e netos falando sobre quando você ajudou muitos baladas top?
Você viu que maravilha? flyer de festa é realmente incrível. E, se você for esperto, você também vai querer fazer parte deste mundo. Acompanhe este blog, pois estamos sempre com novidades para baladas top.
Google Adwords, quer estar sempre presente no maior canal de busca? Temos a solução para você, com expertise no assunto, traremos relevância ao seu restaurante e atingiremos as pessoas certas na hora certa.
Facebook Ads Instagram Ads com vasta experiência em anúncios para Facebook e Instagram, fazemos anúncios de performance, impressão, captação de clientes, aumento de fãs, geração de leads (cadastros) e muito mais.

Como funciona o Marketing digital para Restaurante.

Você sabia que metade da população brasileira está conectada à internet?
Então, nada melhor que aproveitar esse meio para que seu Restaurante possa atingir uma audiência completamente inédita! Planejador Web preparou esse artigo especificamente para você.
Investir no marketing do seu negócio é a chave para atrair pacientes e ganhar visibilidade. O Marketing Digital é promover o crescimento de seu negócio, e consequentemente, aumentar o lucro!

Como trabalhamos pra fazer flyer de festa?

Flyer de festa padronizado para melhorar a identidade visual da balada.
A Rush Eventos executa criação de artes em altíssima qualidade para melhorar a comunicação do seu negócio com seu público.
Desenvolvemos Logotipos, Web Flyers, Flyer de Festa, Artes padronizadas para linha do tempo e stories no Instagram, Facebook e WhatsApp, Video Flyers e Video Stories para as redes sociais, além de Video Cardápios.
Qual a diferença da propaganda de Bar ou Balada para propaganda de restaurante?
No caso de Bares e Baladas o nosso foco é sempre um público com interesse na vida noturna e festas. Já para Restaurantes, buscamos público interessado em gastronomia e até famílias e casais.

Saiba quem é o seu cliente

Antes de começar qualquer estratégia de marketing digital, é preciso saber quem é o seu público. O seu cliente é o elemento número um de uma empresa bem sucedida.
Conheça bem os seus clientes, o que eles esperam de um restaurante, a música que gostam de ouvir, as bebidas preferidas e, principalmente, quais redes sociais eles mais usam. Ou seja, para descobrir esses dados, é necessário fazer uma pesquisa muito bem elaborada.
Essa última informação vai determinar toda a sua estratégia de marketing digital e permitir atingir o público de forma precisa.

Esteja nas redes sociais relevantes

Agora é a hora de criar perfis nas redes sociais que os clientes mais passam o tempo. É muito provável que essas redes sejam o Facebook e o Instagram. O Twitter pode ser muito útil se usado da forma certa e se seus consumidores estiverem lá.
É muito importante que você poste conteúdo todos os dias. Conecte-se com seu público, responda os comentários, seja engraçado quando precisar, mas também saiba ser sério e eficiente. Seja uma marca ativa, ouça seu cliente e busque engajamento.

Uma das ótimas Ideias para bares é: Cadastre o estabelecimento no Google Maps

Para que o seu restaurante ou lanchonete possa ser achado com facilidade na internet, você deve cadastrá-lo nos serviços de mapas, como o Google Maps através do Google Meu Negócio.

Desenvolva uma identidade

Clientes gostam de marcas com personalidade. A personalidade será a sua identidade e ela será a base para a sua comunicação. Defina sua visão, crie uma essência, conte sua história e, a partir disso, produza conteúdo que vai refletir essa essência.
Dessa forma, os clientes vão se conectar melhor com a marca e desenvolver emoções por ela. Procure agradar o público, mas não perca a autenticidade.
Saiba mais ideias para bares agora mesmo!
No artigo de hoje, vamos falar EXCLUSIVAMENTE sobre as vantagens de ser um profissional da área de flyer de festa. Prepare-se, pois Propaganda de restaurante valiosas estão prestes a serem lidas pelos seus olhos de local para comer bem faminto por boas informações sobre esse assunto!
saiba também sabe que tem muitos baladas top fazendo o que deve ser feito, e indo em busca de parar de sofrer por custar caro. E saiba, que com as informações acima, você vai conseguir conseguir ampliar as vendas. Mas, só se persistir nisso! Então, espelhe-se nelas, e você irá adiante também!

Use flyer de festa a favor do seu objetivo.

Você não pode ficar fora disso. Juntando tudo o que você aprendeu até aqui, eu tenho mais informações pra você. Só que dessa vez, são Propaganda de restaurante de flyer de festa que realmente vão te levar a outro nível de resultados.

Propaganda de restaurante com o gerenciamento de ações de marketing Rush Eventos.

Você terá a disposição todo o know how da Rush Eventos em parceria com a Mastercomm e Baladas SP.
Nós executamos as melhores técnicas de marketing para restaurantes a fim de aumentar seus resultados e sabemos quais as ações mais atraentes para o público nas redes sociais e aumentar a visibilidade do seu estabelecimento.
Efetuamos ações de Facebook e Instagram ADS e a criação de artes também é feita pela Rush Eventos pra você não ter que se preocupar com a parte burocrática e de quebra, nosso sistema interno Mastercomm otimiza os resultados em até 75%.
Contratando o nosso gerenciamento, você RECEBE GRÁTIS nossas dicas de como atender as redes sociais com mais eficácia.

Idéias para bares, como melhorar o marketing digital para restaurante.

Confira esse artigo sobre Marketing para restaurante.
SAIBA MAIS SOBRE IDEIAS PARA ATRAIR CLIENTES PARA O BAR.

https://preview.redd.it/odb10i9feys31.jpg?width=400&format=pjpg&auto=webp&s=1ff18735cfd8c32ad5a610ea510b0546c0319683
submitted by simonekama to u/simonekama [link] [comments]


2019.10.16 21:20 eduardazaparim Dicas E Cuidados Sobre Como Planejar Seu Flyer De Festa.

Dicas E Cuidados Sobre Como Planejar Seu Flyer De Festa.
Marketing digital para restaurante com empresa especializada e aprenda também como montar seu flyer de festa e melhorar a propaganda de restaurante.
Tenho algo meio constrangedor para te revelar… Espero que você compreenda o que eu tenho a te contar…
Pessoal! Eu só estou passando pra dizer que infelizmente vou ter que desistir daquela economia que eu tava fazendo por enquanto, pra [investir] nisso aqui… Pois, eu não sabia que dava tão certo… Olhem só e digam se eu não tô certo…
Se você é um dos baladas top que tanto buscam essa informação, fique de olho nessas Propaganda de restaurante!
Outro dia, acordei pela manhã e me peguei pensando sobre flyer de festa. Como local para comer bem geralmente sempre se preocupa com problemas de custar caro, o que viria a ser bom para isso não nos afetar? Veja Propaganda de restaurante!
Eu sempre soube que um dia conseguir ampliar as vendas seria possível, com métodos cada vez mais fáceis e rápidos…
Se hoje você está com frustrações e mais frustrações por custar caro, experimente, sem compromisso ver esse Ideias para bares aqui, e veja como essas Propaganda de restaurante podem salvar sua pele!

Flyer De Festa Como Funciona?

Escolha Das Cores Para Montar Um Cardápio.

As cores utilizadas no cardápio são fundamentais para proporcionar um bom contraste, sendo que quando mal empregadas podem comprometer a estética do cardápio.

Composição Do Prato.

Um prato é composto por 3 (três) partes: entrada, principal e sobremesa.
A entrada é servida enquanto está sendo preparado o prato principal, para evitar que os consumidores fiquem sem degustar algo, costuma-se fazer com que sejam consumidas as bebidas.
O prato ‘entrada’ nada mais é do que um “petisco”, podendo ser citado como exemplo canoas da tapioca, pão torrado com molho especial, queijo coalho, pita toast, entre outros.
Você sabia que para saber bem flyer de festa? Não é preciso absorver tantas e tantas Propaganda de restaurante e Ideias para bares sobre isso? Veja este simples artigo com dicas simples.
Como flyer de festa pode revolucionar o mundo em que vivemos? Pelo menos na nossa área? Já imaginou? Seus filhos e netos falando sobre quando você ajudou muitos baladas top?
Você viu que maravilha? flyer de festa é realmente incrível. E, se você for esperto, você também vai querer fazer parte deste mundo. Acompanhe este blog, pois estamos sempre com novidades para baladas top.
Google Adwords, quer estar sempre presente no maior canal de busca? Temos a solução para você, com expertise no assunto, traremos relevância ao seu restaurante e atingiremos as pessoas certas na hora certa.
Facebook Ads Instagram Ads com vasta experiência em anúncios para Facebook e Instagram, fazemos anúncios de performance, impressão, captação de clientes, aumento de fãs, geração de leads (cadastros) e muito mais.

Como funciona o Marketing digital para Restaurante.

Você sabia que metade da população brasileira está conectada à internet?
Então, nada melhor que aproveitar esse meio para que seu Restaurante possa atingir uma audiência completamente inédita! Planejador Web preparou esse artigo especificamente para você.
Investir no marketing do seu negócio é a chave para atrair pacientes e ganhar visibilidade. O Marketing Digital é promover o crescimento de seu negócio, e consequentemente, aumentar o lucro!

Como trabalhamos pra fazer flyer de festa?

Flyer de festa padronizado para melhorar a identidade visual da balada.
A Rush Eventos executa criação de artes em altíssima qualidade para melhorar a comunicação do seu negócio com seu público.
Desenvolvemos Logotipos, Web Flyers, Flyer de Festa, Artes padronizadas para linha do tempo e stories no Instagram, Facebook e WhatsApp, Video Flyers e Video Stories para as redes sociais, além de Video Cardápios.
Qual a diferença da propaganda de Bar ou Balada para propaganda de restaurante?
No caso de Bares e Baladas o nosso foco é sempre um público com interesse na vida noturna e festas. Já para Restaurantes, buscamos público interessado em gastronomia e até famílias e casais.

Saiba quem é o seu cliente

Antes de começar qualquer estratégia de marketing digital, é preciso saber quem é o seu público. O seu cliente é o elemento número um de uma empresa bem sucedida.
Conheça bem os seus clientes, o que eles esperam de um restaurante, a música que gostam de ouvir, as bebidas preferidas e, principalmente, quais redes sociais eles mais usam. Ou seja, para descobrir esses dados, é necessário fazer uma pesquisa muito bem elaborada.
Essa última informação vai determinar toda a sua estratégia de marketing digital e permitir atingir o público de forma precisa.

Esteja nas redes sociais relevantes

Agora é a hora de criar perfis nas redes sociais que os clientes mais passam o tempo. É muito provável que essas redes sejam o Facebook e o Instagram. O Twitter pode ser muito útil se usado da forma certa e se seus consumidores estiverem lá.
É muito importante que você poste conteúdo todos os dias. Conecte-se com seu público, responda os comentários, seja engraçado quando precisar, mas também saiba ser sério e eficiente. Seja uma marca ativa, ouça seu cliente e busque engajamento.

Uma das ótimas Ideias para bares é: Cadastre o estabelecimento no Google Maps

Para que o seu restaurante ou lanchonete possa ser achado com facilidade na internet, você deve cadastrá-lo nos serviços de mapas, como o Google Maps através do Google Meu Negócio.

Desenvolva uma identidade

Clientes gostam de marcas com personalidade. A personalidade será a sua identidade e ela será a base para a sua comunicação. Defina sua visão, crie uma essência, conte sua história e, a partir disso, produza conteúdo que vai refletir essa essência.
Dessa forma, os clientes vão se conectar melhor com a marca e desenvolver emoções por ela. Procure agradar o público, mas não perca a autenticidade.
Saiba mais ideias para bares agora mesmo!
No artigo de hoje, vamos falar EXCLUSIVAMENTE sobre as vantagens de ser um profissional da área de flyer de festa. Prepare-se, pois Propaganda de restaurante valiosas estão prestes a serem lidas pelos seus olhos de local para comer bem faminto por boas informações sobre esse assunto!
saiba também sabe que tem muitos baladas top fazendo o que deve ser feito, e indo em busca de parar de sofrer por custar caro. E saiba, que com as informações acima, você vai conseguir conseguir ampliar as vendas. Mas, só se persistir nisso! Então, espelhe-se nelas, e você irá adiante também!

Use flyer de festa a favor do seu objetivo.

Você não pode ficar fora disso. Juntando tudo o que você aprendeu até aqui, eu tenho mais informações pra você. Só que dessa vez, são Propaganda de restaurante de flyer de festa que realmente vão te levar a outro nível de resultados.

Propaganda de restaurante com o gerenciamento de ações de marketing Rush Eventos.

Você terá a disposição todo o know how da Rush Eventos em parceria com a Mastercomm e Baladas SP.
Nós executamos as melhores técnicas de marketing para restaurantes a fim de aumentar seus resultados e sabemos quais as ações mais atraentes para o público nas redes sociais e aumentar a visibilidade do seu estabelecimento.
Efetuamos ações de Facebook e Instagram ADS e a criação de artes também é feita pela Rush Eventos pra você não ter que se preocupar com a parte burocrática e de quebra, nosso sistema interno Mastercomm otimiza os resultados em até 75%.
Contratando o nosso gerenciamento, você RECEBE GRÁTIS nossas dicas de como atender as redes sociais com mais eficácia.

Idéias para bares, como melhorar o marketing digital para restaurante.

Confira esse artigo sobre Marketing para restaurante.
SAIBA MAIS SOBRE IDEIAS PARA ATRAIR CLIENTES PARA O BAR.

https://preview.redd.it/z6j5vlb9eys31.jpg?width=400&format=pjpg&auto=webp&s=de56802583448aa1ca4dc8fa74cd7a538e1234ca
submitted by eduardazaparim to u/eduardazaparim [link] [comments]


2019.10.16 21:20 luizahelenita Dicas E Cuidados Sobre Como Planejar Seu Flyer De Festa.

Dicas E Cuidados Sobre Como Planejar Seu Flyer De Festa.
Marketing digital para restaurante com empresa especializada e aprenda também como montar seu flyer de festa e melhorar a propaganda de restaurante.
Tenho algo meio constrangedor para te revelar… Espero que você compreenda o que eu tenho a te contar…
Pessoal! Eu só estou passando pra dizer que infelizmente vou ter que desistir daquela economia que eu tava fazendo por enquanto, pra [investir] nisso aqui… Pois, eu não sabia que dava tão certo… Olhem só e digam se eu não tô certo…
Se você é um dos baladas top que tanto buscam essa informação, fique de olho nessas Propaganda de restaurante!
Outro dia, acordei pela manhã e me peguei pensando sobre flyer de festa. Como local para comer bem geralmente sempre se preocupa com problemas de custar caro, o que viria a ser bom para isso não nos afetar? Veja Propaganda de restaurante!
Eu sempre soube que um dia conseguir ampliar as vendas seria possível, com métodos cada vez mais fáceis e rápidos…
Se hoje você está com frustrações e mais frustrações por custar caro, experimente, sem compromisso ver esse Ideias para bares aqui, e veja como essas Propaganda de restaurante podem salvar sua pele!

Flyer De Festa Como Funciona?

Escolha Das Cores Para Montar Um Cardápio.

As cores utilizadas no cardápio são fundamentais para proporcionar um bom contraste, sendo que quando mal empregadas podem comprometer a estética do cardápio.

Composição Do Prato.

Um prato é composto por 3 (três) partes: entrada, principal e sobremesa.
A entrada é servida enquanto está sendo preparado o prato principal, para evitar que os consumidores fiquem sem degustar algo, costuma-se fazer com que sejam consumidas as bebidas.
O prato ‘entrada’ nada mais é do que um “petisco”, podendo ser citado como exemplo canoas da tapioca, pão torrado com molho especial, queijo coalho, pita toast, entre outros.
Você sabia que para saber bem flyer de festa? Não é preciso absorver tantas e tantas Propaganda de restaurante e Ideias para bares sobre isso? Veja este simples artigo com dicas simples.
Como flyer de festa pode revolucionar o mundo em que vivemos? Pelo menos na nossa área? Já imaginou? Seus filhos e netos falando sobre quando você ajudou muitos baladas top?
Você viu que maravilha? flyer de festa é realmente incrível. E, se você for esperto, você também vai querer fazer parte deste mundo. Acompanhe este blog, pois estamos sempre com novidades para baladas top.
Google Adwords, quer estar sempre presente no maior canal de busca? Temos a solução para você, com expertise no assunto, traremos relevância ao seu restaurante e atingiremos as pessoas certas na hora certa.
Facebook Ads Instagram Ads com vasta experiência em anúncios para Facebook e Instagram, fazemos anúncios de performance, impressão, captação de clientes, aumento de fãs, geração de leads (cadastros) e muito mais.

Como funciona o Marketing digital para Restaurante.

Você sabia que metade da população brasileira está conectada à internet?
Então, nada melhor que aproveitar esse meio para que seu Restaurante possa atingir uma audiência completamente inédita! Planejador Web preparou esse artigo especificamente para você.
Investir no marketing do seu negócio é a chave para atrair pacientes e ganhar visibilidade. O Marketing Digital é promover o crescimento de seu negócio, e consequentemente, aumentar o lucro!

Como trabalhamos pra fazer flyer de festa?

Flyer de festa padronizado para melhorar a identidade visual da balada.
A Rush Eventos executa criação de artes em altíssima qualidade para melhorar a comunicação do seu negócio com seu público.
Desenvolvemos Logotipos, Web Flyers, Flyer de Festa, Artes padronizadas para linha do tempo e stories no Instagram, Facebook e WhatsApp, Video Flyers e Video Stories para as redes sociais, além de Video Cardápios.
Qual a diferença da propaganda de Bar ou Balada para propaganda de restaurante?
No caso de Bares e Baladas o nosso foco é sempre um público com interesse na vida noturna e festas. Já para Restaurantes, buscamos público interessado em gastronomia e até famílias e casais.

Saiba quem é o seu cliente

Antes de começar qualquer estratégia de marketing digital, é preciso saber quem é o seu público. O seu cliente é o elemento número um de uma empresa bem sucedida.
Conheça bem os seus clientes, o que eles esperam de um restaurante, a música que gostam de ouvir, as bebidas preferidas e, principalmente, quais redes sociais eles mais usam. Ou seja, para descobrir esses dados, é necessário fazer uma pesquisa muito bem elaborada.
Essa última informação vai determinar toda a sua estratégia de marketing digital e permitir atingir o público de forma precisa.

Esteja nas redes sociais relevantes

Agora é a hora de criar perfis nas redes sociais que os clientes mais passam o tempo. É muito provável que essas redes sejam o Facebook e o Instagram. O Twitter pode ser muito útil se usado da forma certa e se seus consumidores estiverem lá.
É muito importante que você poste conteúdo todos os dias. Conecte-se com seu público, responda os comentários, seja engraçado quando precisar, mas também saiba ser sério e eficiente. Seja uma marca ativa, ouça seu cliente e busque engajamento.

Uma das ótimas Ideias para bares é: Cadastre o estabelecimento no Google Maps

Para que o seu restaurante ou lanchonete possa ser achado com facilidade na internet, você deve cadastrá-lo nos serviços de mapas, como o Google Maps através do Google Meu Negócio.

Desenvolva uma identidade

Clientes gostam de marcas com personalidade. A personalidade será a sua identidade e ela será a base para a sua comunicação. Defina sua visão, crie uma essência, conte sua história e, a partir disso, produza conteúdo que vai refletir essa essência.
Dessa forma, os clientes vão se conectar melhor com a marca e desenvolver emoções por ela. Procure agradar o público, mas não perca a autenticidade.
Saiba mais ideias para bares agora mesmo!
No artigo de hoje, vamos falar EXCLUSIVAMENTE sobre as vantagens de ser um profissional da área de flyer de festa. Prepare-se, pois Propaganda de restaurante valiosas estão prestes a serem lidas pelos seus olhos de local para comer bem faminto por boas informações sobre esse assunto!
saiba também sabe que tem muitos baladas top fazendo o que deve ser feito, e indo em busca de parar de sofrer por custar caro. E saiba, que com as informações acima, você vai conseguir conseguir ampliar as vendas. Mas, só se persistir nisso! Então, espelhe-se nelas, e você irá adiante também!

Use flyer de festa a favor do seu objetivo.

Você não pode ficar fora disso. Juntando tudo o que você aprendeu até aqui, eu tenho mais informações pra você. Só que dessa vez, são Propaganda de restaurante de flyer de festa que realmente vão te levar a outro nível de resultados.

Propaganda de restaurante com o gerenciamento de ações de marketing Rush Eventos.

Você terá a disposição todo o know how da Rush Eventos em parceria com a Mastercomm e Baladas SP.
Nós executamos as melhores técnicas de marketing para restaurantes a fim de aumentar seus resultados e sabemos quais as ações mais atraentes para o público nas redes sociais e aumentar a visibilidade do seu estabelecimento.
Efetuamos ações de Facebook e Instagram ADS e a criação de artes também é feita pela Rush Eventos pra você não ter que se preocupar com a parte burocrática e de quebra, nosso sistema interno Mastercomm otimiza os resultados em até 75%.
Contratando o nosso gerenciamento, você RECEBE GRÁTIS nossas dicas de como atender as redes sociais com mais eficácia.

Idéias para bares, como melhorar o marketing digital para restaurante.


https://preview.redd.it/2h91xrt4eys31.jpg?width=400&format=pjpg&auto=webp&s=4e81a237e599bc01621a998d7510941e1e733e5b
submitted by luizahelenita to u/luizahelenita [link] [comments]


2019.10.10 06:44 pinho07 Como escolher o amor da sua vida? Se é q existe o amor da sua vida...

Estou confuso quanto a começar uma vida amorosa, nunca namorei, mas posso começar em breve, só preciso me decidir. Sei q pode parecer estranho alguém tratar coisas do coração de modo tão racional, como se fosse natural controlar o momento de amar ou não. Considero o namoro um relacionamento muito sério q exige tempo, paciência, maturidade, respeito, etc. Tenho medo de causar sofrimento na outra pessoa por não saber amá-la suficiente ou então criar falsas expectativas ou então me frustar com o término desse relacionamento sendo preterido. No fundo, fico achando nunca ser bom o bastante para o outro, enfim... inúmeros medos bobos. Acredito q a união de dois seres é algo de extrema importância na nossa vida, não q seja imprescindível ou obrigatória para se ter uma vida melhor, mas dessa união podemos dividir o peso da vida e crescer em amor, alegria, paz e harmonia.
Outra coisa q meio q acredito, mas tbm não estou convicto se é verdade, é se temos de fato uma pessoa ideal para vivermos uma experiência afetiva. Alguns dizem alma gêmeas, tampa da panela, outra metade, etc, como se antes de nascermos já estivesse "escrito nas estrelas" q teremos uma pessoa q está em algum lugar do universo e no momento mais apropriado iremos nos encontrar e a mágica vai acontecer. Meio q acredito nisso pq pra mim é fato q acontece com muitas pessoas ao se ver "um certo alguém" ter sensações marcantes, aparentemente inexplicáveis, tendo o coração batendo mais forte. Uns dizem q é química, outros q é afinidade magnética, outros q são relações advindas de vidas passadas. O famoso "amor a primeira vista". Dentro dessa lógica imagino q pra ser uma união legítima deve haver reciprocidade, tenho q perceber ou sentir q o outro naturalmente tbm sente algo diferente por mim.
Mas tbm entendo q talvez toda essa história seja uma distorção romântica das relações humanas, afinal não temos como precisar ao certo todos os níveis do envolvimento emocional, existem heurísticas, vieses, circunstâncias q manipulam nossas sensações. Quantos casos existem de casais q juravam ser par perfeito e depois se desiludiram ou o contrário, pessoas q a princípio nunca se imaginaram juntas e depois passam a viver "felizes para sempre".
Diante disso, quando me sinto atraído por alguém interpreto q não necessariamente isso quer dizer ser preciso um envolvimento amoroso mais sério, busco controlar meus sentimentos e mesmo estando interessado procuro não demonstrar. Espero o tempo passar pra saber se realmente gosto da pessoa, busco conhecê-la melhor, quero ter a certeza de não ser "fogo de palha" ou uma paixonite de adolescente.
Diante de tudo isso, fico na dúvida: será q se começar a namorar com tal pessoa estarei namorando com a pessoa certa na minha vida? Ou será q tenho q esperar mais um pouco? Na escala de 1 a 10 da reação química ideal entre dois seres talvez essa pessoa q acho ser a pessoa certa está no nível 9, pode acontecer de na semana seguinte encontrar outra q está no nível 10 ou seria 9,9? Esse jogo do amor é perigoso, parece q funciona na tentativa e erro, não quero crer na maldosa frase "enquanto não encontro a pessoa certa, vou me divertindo com as erradas".
Estou num dilema, há mais de um ano tive um encontro fortuito com uma menina bem reservada da faculdade, trocamos olhares e conversas, e me senti muito impactado e atraído por ela. Juro q desde então nunca mais deixei de pensar nela, acho q em todos os dias. Peguei o contato dela, depois disso tivemos conversas esparsas pelo zap, temos muita afinidade de ideias e até chegamos a nos encontrar em alguns finais de eventos q curtimos em comum, mas como já era tarde da noite e o ambiente tumultuado só ficamos nos abraços e sorrisos. Na faculdade é difícil nos vermos e quando isso acontece é sempre corrido, estudamos de noite e os horários não batem pq somos de cursos diferentes. Eu tbm meio q fujo dela, ando pelos corredores evitando encontrá-la, pq não saberia como reagir. Não gosto de estender muito as conversas, pq perco um pouco do controle quando a vejo, fico pálido e me dá taquicardia, não gostaria de demonstrar às claras meus sentimentos. Na vdd, nem conheço ela direito, isso td pode ser fantasia da minha cabeça, devaneios pretensiosos, às vezes ela só me trata como um amigo distante, apesar de já ter me surpreendido com uma demonstrações de carinho fora da faculdade por meio de um bilhetinho escrito a mão q ela pediu q outra pessoa me entregasse. Somos de bairros distantes dentro da mesma cidade e eu presumo ela não quer compromisso nesse atual momento de sua vida. Por enquanto não revelo meu amor carnal, fico no platônico enquanto os medos bobos não vão embora.
Pra apimentar a história, surge um outro alguém, uma amiga de longa data q sempre achei delicada, bonita e singela, mas como ela era alguns anos mais velha q eu, acho q 2 anos, não me imaginei namorar com ela. Ela hj está mais madura e bem mais próxima de mim. Quando nos encontramos percebo o acanhamento dela, mas nas msgs suas carinhas de emojis são sempre afetuosas comigo. No pouco q ficamos juntos ela já me contou da sua vida pessoal, do seu ex-namorado, dos seus planos e incertezas. Ela é bem mais aberta comigo do q a outra, isso tbm se deve pq já nos conhecemos a mais tempo. Meu coração tbm diz q talvez podemos namorar, mas não tive aquele amor a primeira vista como foi com a outra. Sou sempre cordial e amigo com elas, evito entrar em assunto mais voltado quanto aos meus sentimentos por elas. Só q nesse último mês estou sendo impelido a me manifestar.
Aff... pq eu não me resolvo quanto a isso?
submitted by pinho07 to desabafos [link] [comments]


2019.08.07 15:50 lanaSouza “Bullying “nas relações conjugais - palavras que machucam!

Artigo publicado há 5 ANOS no JusBrasil , pela própria autora deste Blog, mas com antigo perfil do Jus (sucesso por lá, editado aqui pelas alterações da Maria da Penha em 2019)
Há alguns anos, poucos após a entrada em vigor da Lei Maria da Penha(11.340/2006), uma senhora me procurou, em meu antigo escritório em Cuiabá, para contar o que se passava consigo, na verdade, com o seu relacionamento conjugal.Dizia ela estar casada havia 3 anos e meio e há muito já não sabia o que era ouvir uma palavra carinhosa do marido, ao contrário disso, só ouvia frases depreciativas à respeito de sua aparência, suas vestes, sua inteligência, sua formação profissional, etc.
*Este texto está disponível também AQUI
Aliás, ela não sabia dizer se algum dia teria ouvido um elogio do marido sobre algo relacionado a ela, mesmo antes de casarem.
A senhora em questão havia me procurado para saber se tinha algo que ela pudesse fazer acerca do assunto, uma vez que também considerava aquilo como um tipo de violência doméstica. Ela estava certa. A violência porquê passava no dia a dia, dentro do lar, é considerada pela Lei 11.340/2006 como sendo Violência Psicológica, e vem prescrita nos artigos 5º “caput” e 7º, inciso II da referida Lei.
Art. 5o Para os efeitos desta Lei, configura violência doméstica e familiar contra a mulher qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial: (Vide Lei complementar nº 150 de 2015);
Art. 7o São formas de violência doméstica e familiar contra a mulher, entre outras:
(…)
II - a violência psicológica, entendida como qualquer conduta que lhe cause dano emocional e diminuição da auto-estima ou que lhe prejudique e perturbe o pleno desenvolvimento ou que vise degradar ou controlar suas ações, comportamentos, crenças e decisões, mediante ameaça, constrangimento, humilhação, manipulação, isolamento, vigilância constante, perseguição contumaz, insulto, chantagem, ridicularização, exploração e limitação do direito de ir e vir ou qualquer outro meio que lhe cause prejuízo à saúde psicológica e à autodeterminação.
Hoje (2019), entretanto, a antiga Lei já conta com as mudanças acrescentadas pela Lei 13.827/2019, com as seguintes alterações:
Art. 2º O Capítulo III do Título III da Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006 (Lei Maria da Penha), passa a vigorar acrescido do seguinte art. 12-C:
“Art. 12-C. Verificada a existência de risco atual ou iminente à vida ou à integridade física da mulher em situação de violência doméstica e familiar, ou de seus dependentes, o agressor será imediatamente afastado do lar, domicílio ou local de convivência com a ofendida:I - pela autoridade judicial;II - pelo delegado de polícia, quando o Município não for sede de comarca; ouIII - pelo policial, quando o Município não for sede de comarca e não houver delegado disponível no momento da denúncia.
§ 1º Nas hipóteses dos incisos II e III do caput deste artigo, o juiz será comunicado no prazo máximo de 24 (vinte e quatro) horas e decidirá, em igual prazo, sobre a manutenção ou a revogação da medida aplicada, devendo dar ciência ao Ministério Público concomitantemente.
§ 2º Nos casos de risco à integridade física da ofendida ou à efetividade da medida protetiva de urgência, não será concedida liberdade provisória ao preso.”
Art. 3º A Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006 (Lei Maria da Penha), passa a vigorar acrescida do seguinte art. 38-A:
“Art. 38-A. O juiz competente providenciará o registro da medida protetiva de urgência.
Parágrafo único. As medidas protetivas de urgência serão registradas em banco de dados mantido e regulamentado pelo Conselho Nacional de Justiça, garantido o acesso do Ministério Público, da Defensoria Pública e dos órgãos de segurança pública e de assistência social, com vistas à fiscalização e à efetividade das medidas protetivas.”
Art. 4º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
Brasília, 13 de maio de 2019; 198o da Independência e 131o da República. JAIR MESSIAS BOLSONARODamares Regina Alves
A violência em questão é quase tão grave quanto a física, podendo ser inclusive pior, vai depender do “estado emocional” de cada mulher e da constância da agressão!A pessoa da história acima passou a sofrer depressão com o decorrer do tempo. Frequentava o psiquiatra e tomava remédios controlados; não conseguia mais trabalhar e fazer as atividades da casa como antes pois vivia mais acamada do que disposta.
Engordou, deixou de fazer coisas que antes gostava, coisas normais e consideradas necessárias para uma mulher como: pintar as unhas, depilar-se, fazer exercícios, ir ao cinema, falar e encontrar com amigas e parentes; isolou-se em seu mundo – passou a ser tão“agressiva” com os demais que acredita ter se igualado ao agressor (marido); a vida dentro de casa transformou-se em “elogios” mútuos.
De pessoa “doce”, carinhosa, gentil e amável, em especial com os romances que já havia tido anteriormente, passou a ser amarga e tratar esse companheiro da mesma forma que ele a tratava pois, segundo ela, “é dando que se recebe”; “quem oferece flores receberá flores, mas quem só dá espinhos é isso que conseguirá” (palavras dela). No entanto, quanto mais agressiva (com palavras) se tornava, mas culpada e infeliz, vivia!O que fiz por essa senhora?
A Lei ainda era considerada “experimental”, estava em vigor há pouco mais de um ano, todavia era novidade, inclusive em se tratando de violência psicológica – no que tive de estudar o assunto para dar uma melhor resposta. Acredito que ela somente aguardou a resposta porque eu era indicação de uma amiga sua.
Diz ela que contar o caso que se passava em sua vida já era difícil e vergonhoso por demais para me contar, sair relatando a dois ou três Advogados era impossível.Assim fui “estudar” a lei mais a fundo para saber se o caso dela haveria solução.Percebi que, pelo fato de NÃO estar disposta à separação, nem tinha vontade de vê-lo preso, pois era ele quem mantinha a casa com o “bom salário” que recebia; (estava desempregada) e, na época sem condições psicológicas para tal; não haveria muito o que fazer a não ser indicar acompanhamento psicológico para ele também – até porque, como já dito, a lei era muito nova e não havia precedentes ou algo que se pudesse valer como “exemplo” para resolver a situação.Acredito que minha explicação não lhe tenha caído muito bem, pois ela insistia que àquilo era crime, já que havia lido a lei antes de ir me consultar. Um tipo difícil de cliente, pois acha que sabe tudo; não aceita conclusões e explicações que não seja do agrado. Mas qual seria a resposta que ela gostaria de ouvir se não queria se separar do marido nem vê-lo preso?- Já não sei, nunca entendi!Só sei que se a vida dela não estava fácil, a minha também não ficou nada agradável depois dessa consulta. Essa senhora estava muito impaciente, amarga e intolerante. Chorava com facilidade e perdia a paciência por qualquer coisa.
Realmente estava doente devido ao relacionamento perturbado que tinha com o marido, segundo ela, já tinha até pensamentos suicidas. Confesso que fiquei atormentada por não “conseguir” fazer nada.O esposo dessa cliente transformou a vida dela num inferno ao se aproveitar de sua fragilidade e dependência econômica!Chamá-la de preguiçosa, burra, gorda e inútil era comum, isso fez com que a auto estima dela se perdesse por completo. Era por isso que não desejava a separação, acreditava que não encontraria mais ninguém e muito menos um emprego para seguir vivendo – ele fazia questão de dizer, também, que ninguém a iria querer.
A atitude dele parecia a de um sádico; só se sentia feliz quando a fazia chorar – muitas vezes chegou a pensar que ele poderia ser um psicopata, já que não sentia nada por ela, nem por ninguém; totalmente desalmado e descompassivo – o pior de tudo é que ele deixava claro que gostava de ser assim!O relato que acabo de transcrever é bastante comum. Acredito que hoje a facilidade em lidar com tais situações é bem maior que há 13 (doze) anos, quando essa senhora me procurou.
Hoje existem delegacias especializadas em defesa da mulher em qualquer cidade, há ajuda psicológica oferecida pelo próprio Estado e apoio incondicional à mulher vítima de qualquer violência que venha descrita no artigo 7º da Lei Maria da Penha, e as alterações inseridas pela nova Lei (a de 2019 - citada acima).Um dos motivos que me fez recordar dessa infeliz Senhora foi a leitura de um artigo publicado na revista Marie Clarie de outubro de 2014, que entrevistou a Psicóloga Adelma Pimentel sobre o lançamento do livro em que é autora, denominado“Violência Psicológica nas relações conjugais” (da Summus Editorial).A obra fala do efeito devastador que uma violência desse gênero poderá acarretar nas relações conjugais.Preferi, no entanto, nomear este artigo como “Bullying” nas relações conjugais, pois a violência psicológica é partida, quase sempre, de um membro que se acha superior direcionada a outro que se encontra, segundo quem pratica, em relação de inferioridade.

Veja o que diz o artigo da Marie Claire:

Protegida pelo silêncio, incorporada aos costumes, herança da cultura patriarcal, ela se instala nos lares desde muito cedo, levando os casais a estabelecer relações pobres e, muitas vezes, doentias.
Estudiosa do assunto e militante da causa da prevenção e da erradicação da violência, Adelma apresenta um retrato dos embates psicológicos que acometem parceiros das mais diversas origens e classes sociais. No livro, ela faz uma análise profunda sobre o tema, propõe a nutrição psicológica de cada membro do casal para que diminuam os conflitos e oferece elementos indicativos para romper o ciclo de violência e restabelecer os vínculos afetivos do casal.Apesar da grande incidência nas relações conjugais, a agressão geralmente não é reconhecida pelos cônjuges, sobretudo pela mulher. Entre suas manifestações estão o deboche, a humilhação e o isolamento.
Na avaliação da psicóloga, famílias são organizações complexas, dialéticas e ambíguas. Campo de diversos choques, ódios e de trânsito voraz de rápidas, variadas e múltiplas emoções que podem coexistir no mesmo dia, conforme os atores e seus atos. “Dentro delas, os embates atravessados pela violência psicológica podem contribuir para forjar casamentos precipitados, uniões estáveis e até mesmo namoros que perpetuam o círculo vicioso de aprisionamento dos sujeitos”, complementa.
Num mundo totalmente reconfigurado, em que os papéis de gênero sofrem mudanças a cada dia, o livro é um referencial para discutir antigos modelos familiares e novos caminhos de expressão, baseados no autoconceito, na autoestima e na autoimagem nutridos psicologicamente desde a infância. “O objetivo é cooperar com os esforços coletivos para atualizar e renovar nossa humanidade, tão fragilizada pela supressão de valores éticos”, afirma a autora. Para ela, o diálogo é o nutriente imprescindível de uma relação afetiva amorosa. Ele é mediador do fortalecimento dos vínculos e do não enraizamento das violências privadas, sobretudo a psicológica.
Fonte: gruposummus. Com por Marie Claire
Autoria /Comentários: Elane F. De Souza OAB-CE 27.340-B
Foto/Créditos: pixabay grátis *Às vezes, como no caso apresentado, a única solução viável é o Divórcio; aproveito para indicar um sistema online, EFICAZ e mais barato do Brasil para se divorciar (funciona para ambos os sexos e quaisquer outra forma de relacionamento conjugal homossexual).
submitted by lanaSouza to DivulgueDireito [link] [comments]


2019.07.03 15:00 Amanda3exceler The Big Bang Theory: cinco coisas sobre o final da série CS SAT Soluções em TVs

ATENÇÃO: ESSE TEXTO CONTÉM SPOILERS SOBRE AS TEMPORADAS DE THE BIG BANGH THEORY.
Quando uma série de 4 nerds estreou em setembro de 2007, poucas pessoas apostaram no sucesso estrondoso que estava por vir. O gênero de comédia é um dos mais explorados na televisão americana, sem muito esforço, podemos lembrar inúmeras comédias marcantes: Friends, How I Met Your Mother, Two and a Half Men e claro, o assunto deste artigo: The Big Bang Theory.
Como destaquei acima, a primeira temporada chegou em 2007 com uma premissa que ousava diante de um tema comum: narrar a história de um grupo de amigos. O principal diferencial da série era o fato de ser quase totalmente focada em uma cultura geek. Os protagonistas do seriado, Leonard, Sheldon, Raj e Howard, formam um grupo peculiar: um físico experimental; um físico teórico; um astrofísico e um engenheiro aeroespacial.
Mas não pense que a série é apenas uma grande referência a cultura nerd. O roteiro acerta a mão ao inserir uma personagem, a vizinha de Leonard e Sheldon, Penny, que é o oposto do grupo: uma aspirante a atriz e garçonete. Sem dúvidas, o contraste entre essas personalidades é um dos principais destaques do programa.
Ao todo, a série teve 12 temporadas e um total de 279 episódios. Se, ao longo dessa jornada você se perdeu, parou de ver ou ficou confuso com algumas mudanças, separamos as principais informações que você precisa saber para facilitar a compreensão do último episódio do seriado.

1 – Leonard e Penny ficam juntos!

Um dos casais mais queridos do universo das séries termina juntos! Após muitas idas e vindas, Penny e Leonard casaram-se na nona temporada, em uma simples e reservada cerimônia em Las Vegas. Na décima temporada, um segundo casamento foi realizado, reunindo parentes e amigos.

2 – Sheldon Cooper está casado!

Sheldon é um dos personagens mais emblemáticos da televisão. O jeito peculiar e muitas vezes meio bizarro (um bom bizarro, aliás) é um dos melhores atrativos da série. Ao longo dessas 12 temporadas, Sheldon foi o personagem que mais evoluiu. Se antes era uma tormenta qualquer tipo de contato físico com outros ou até mesmo manifestação de emoções mais intensas, o físico teórico superou essas barreiras. No final da décima primeira temporada, Sheldon Cooper casou-se com Amy Farrah Fowler, em um cerimônia que derreteu o coração de qualquer fã.

3 – A primeira filha nerd!

O primeiro nerd a ter um filho foi Howard. Na décima temporada, nasceu a filha do engenheiro aeroespacial com Bernadette. Em homenagem ao famoso cometa, a bebê recebeu o nome de Halley. Já na décima primeira temporada, nasceu o segundo filho do casal: Neil Michael, em homenagem ao astronauta Neil Armstrong e ao pai de Bernadette.

4 – Raj ainda não encontrou um relacionamento estável

Se todos os outros personagens conseguiram formar casais fofos e excêntricos, Rajesh Koothrappali ainda não encontrou sua alma gêmea. Um dos personagens mais queridos do público, o astrofísico até conseguiu resolver (em partes) a doentia timidez, começando inclusive, alguns relacionamentos, mas sem grandes avanços.

5 – Sheldon e Amy estão próximas de ganhar um nobel da física!

O casal mais nerd do planeta decidiram trabalhar juntos em um ousado projeto que visava comprovar a teoria da supersimetria. Claro que esse plot teve alguns percalços no caminho: os dois cientistas se envolveram em uma briga por plágio e quase que o crédito de Amy na pesquisa teve que ser removido. Dessa forma, no derradeiro episódio da série, acompanhamos a conclusão de uma das situações mais especiais de The Big Bang Theory.

Maratone The Big Bang Theory com a CSSAT

A tecnologia do CSSAT trouxe consigo o avanço da TV digital, que tem o intuito de solucionar o problema daqueles que só possuíam acesso aos canais de TV analógicos de má qualidade: o sinal de TV analógico era instável e de péssima qualidade do sinal.
Muitas vezes a tecnologia empregada sofria interferência de diversas fontes, comprometendo a qualidade do sinal, o som e a imagem. Dessa forma, o teste CS é a solução que faltava para você acompanhar sua série favorita. Acesse a sua série predileta com seu celular, tablet, notebook, TV e demais dispositivos. Conte com teste CSSAT e boa maratona!

Conheça a CS SAT: https://www.cssat.com.br
submitted by Amanda3exceler to u/Amanda3exceler [link] [comments]


2018.05.09 16:43 andrebh Qual a sua opinião sobre a escolha de padrinho e madrinha pros filhos?

Minha esposa está grávida do nosso primeiro filho, e estamos num impasse com relação a quem escolher de padrinho e madrinha, na minha família temos costume de misturar as escolhas entre as famílias, não necessariamente colocando casais ou pessoas da mesma família, já na família da minha esposa, eles têm esse costume de colocar sempre marido e mulher juntos para serem os padrinhos. Como as pessoas mais próximas tanto de mim quanto da minha esposa ainda não são casados, fica difícil colocar namorados e correr o risco de terminarem e meu filho perder o contato com padrinho ou madrinha. Eu penso em colocar uma pessoa da minha família e uma da dela, ela já acha melhor colocar duas pessoas mais próximas, pra quando tiver reuniões de família e tals, a criança sempre ter padrinho e madrinha juntos. Gostaria de mais opiniões sobre o assunto para poder tomar uma melhor decisão sobre a escolha.
submitted by andrebh to brasil [link] [comments]


2016.06.09 04:05 ClayDatsusara O. Unilateralis

Hoje descobri que há um fungo parasita que se instala no cérebro de uma variedade de formigas e as obriga a agir como zombies. O único objectivo da vida delas passa a ser subir plantas acima até atingir um ponto específico onde o balanço entre humidade e temperatura seja perfeito para o fungo se instalar e desenvolver. Nesse momento a formiga prende as suas mandíbulas à planta para nunca mais largar e aí prepara-se para morrer enquanto é comida de dentro para fora pelo parasita. O apex desta invasão fúngica acontece quando da cabeça da formiga brota uma espécie de cogumelo que imediatamente liberta para o ar esporos. Estes esporos, por sua vez, vão cair no solo. Mas não todos. O acaso encarrega-se de fazer com que alguns esporos aterrem em cima de outras formigas, as próximas vítimas. Seria um ciclo vicioso destrutivo para a colónia de formigas se não houvesse um processo de defesa por parte destas. Quando uma formiga é infectada e visivelmente luta contra o esporo invasor, caso seja vista pelas suas companheiras saudáveis, é levada para longe da colónia para que o contágio seja minorizado.
Eu sou a formiga.
Acho que fui infectado há muito tempo atrás. Eu devia ser apenas uma criança nos braços da minha mãe, pois nem sequer me lembro do primeiro momento em que senti esta vontade irresistível de correr rumo ao desconhecido e agarrar-me com as mandíbulas a algo que não consigo identificar, mas que sei possuir essas características vitais. A formiga também não sabe que procura a humidade e temperaturas certas. Eu não sei por que é que numa noite de verão os meus olhos caem inevitavelmente sobre uma ruiva de pernas longas e cabelo sobre a face. Ela passa sozinha uma vez, duas vezes, e depois acompanha grupo de pessoas, mas os seu olhar aponta ao chão e vejo que continua numa caminha solitária muito própria.
'Sete Palmos de Terra' eu digo inconscientemente, quando ela passa da primeira vez.
'Não acho' diz a minha amiga do momento. 'Também não acho' diz a amiga da minha amiga do momento. 'Eu também não a acho parecida' diz o amigo da amiga da minha amiga do momento.
Mas quando ela passa da segunda vez, eles já conseguem ver semelhanças. Da terceira vez todos temos a certeza que ela é a versão portuense da Claire Fisher. 'De certeza que ela não é portuguesa' diz o amigo da amiga da minha amiga. Eu concordo, e acrescento que ainda assim isso não interessa. 'A loucura não conhece nacionalidades. Americana, portuguesa ou o que quer que seja, vejo nela aquela tendência auto-destrutiva que leva os homens a correrem atrás dela como cães atrás de uma cadela com o cio'.
A minha vontade é levantar-me daquele chão e perseguir a Claire e cravar-lhe as minhas mandíbulas. Sei que ela me vai levar ao sitio certo. Sei que dentro dela os meus esporos vão crescer saudavelmente e o meu estilo de vida zombie vai finalmente fazer sentido. Mas não, não me levanto nem comento o assunto em voz alta. Sou levado depois para longe dali pelos meus companheiros nocturnos, que têm também eles as suas necessidades zombies, mais fortes que as minhas neste momento.
Porém, onde quer que eu vá, vai haver sempre uma ruiva com um olhar deprimido, que necessita urgentemente da nossa companhia para esquecer o que quer que seja que a atormenta. Vai haver sempre um sorriso enganador que tenta esconder uma solidão tão infinita que nos arrepia quando pensamos na crueldade da existência. Vai haver sempre a eternidade do universo para nos relembrar que somos nada mais que poeira cósmica. Que somos uma dolorosa sucessão de eventos e que toda a nossa existência é a busca por esse instante de alívio e sensação de pertença. Mas não, os olhos da nossa Claire Fisher diziam-me que não pode haver um sentido para a vida. E quanto mais eu pensava naqueles olhos castanhos a reprimir-me por pensar que alguma coisa tem algum significado remoto, mais crescia dentro de mim esta vontade automática de me unir a ela e lhe provar, e a mim também, acima de tudo, que mesmo que não haja uma lógica final, as coisas acontecem e há forças tão grandes no universo que massas planetárias gigantescas revolvem à volta de sóis ainda mais magníficos. Se pensares assim, Claire, não é difícil conceberes esta pequena força que me atrai contra ti. Já passou tempo demais desde a explicação de Newton sobre a atração entre dois corpos. Não quero estragar o ambiente romântico, mas o certo é que 'todos os objetos no Universo atraem todos os outros objetos com uma força direcionada ao longo da linha que passa pelos centros dos dois objetos'. Parece formal demais, mas o facto é que, segundo esta lei, todo o corpo atrai todos os outros corpos, independentemente da distância. E à medida que a noite me leva para outros caminhos, eu vou sentindo que é verdade. Que mesmo com a distância eu continuo a sentir a atração.
Mas é uma atração que desvanece e fica dissimulada, quase esquecida. Porque outro dia traz outra força gravitacional mais pertinente. Desta vez pode não ser uma ruiva enigmática, somente uma morena com óculos graduados de massa preta da Ray Ban, que apesar do tom de pele excessivamente bronzeado, transmite uma ideia de inteligência que te agrada ao intelecto sedento de conversas estimulantes. Ou pode ser uma loira hiper-produzida, com cara, corpo e comportamento de bomba sexual, disponível apenas para o mais rijo e animalesco dos machos alfa, mas que, sendo capaz de descobrir casualmente e até apreciar a tua eloquência sagaz e o teu humor desconcertante, é capaz de passar noites contigo ao telefone, contando-te os seus segredos mais humanos, e chegando ao ponto de te propor que vejam o stream de um filme qualquer no wareztuga em simultâneo, cada um em sua casa, comentando as partes mais engraçadas ao ouvido um do outro como se estivessem os dois no mesmo sofá, bem juntinhos como deve ser, obrigado mais uma vez Vodafone Extravaganza.
E a vida continua nesta sucessão de vontades e atrações que vêm e vão, ao sabor dos elementos, e tu não sabes por que é que te levantas todos os dias de manhã para ires para o trabalho. Ouviste dizer que há uma vida para além desta, mas secretamente calas-te quando falam nisso, porque já a viveste quando tinhas 24 anos e passaste aquele verão a viajar numa VW com as outras formigas que perseguiam a mesma humidade e a mesma temperatura que tu, e chegaste ao fim e sentiste-te tão destituído de objectivo de vida como quando iniciaste a viagem. Libertaste-te de preconceitos e entraste nu no mesmo mar alentejano que eles, para desgosto das famílias chocadas que levavam para longe as crianças inocentes demais para ver algum mal na cena; intoxicaste-te consecutivamente até perderes a noção da passagem dos dias e a possibilidade de criares memórias duradouras desses momentos de suposta iluminação; até achaste ter ido longe demais quando participaste no esquema de roubo de gasóleo de camiões e caravanas e sentias que a polícia andava a farejar muito perto, mas achavas que era tudo em nome de um sentido da vida que apregoava o respeito, a paz, a saúde física e mental e a justiça.
A vida normal, das nove às cinco, não te parece um fardo assim tão grande, em comparação com a incerteza moral dessa existência hipócrita. Ao menos dá-te a tranquilidade e a clareza de espírito que precisas para acalmares o teu modo de vida e achares que o pacote básico 3 em 1 da MEO, internet, televisão e telefone fixo, é o ideal para o teu estilo de vida. Ignoras os apelos das tuas amigas freaks que te dizem que a TV é um sorvedouro da alma humana e um instrumento de lavagem cerebral. Não lhes dizes na cara, mas sabes que elas não precisam de ver os programas de televisão sobre a infantilidade das irmãs Kardashian porque têm casais amigos com filhos que lhes fazem visitas todas as noites. E então trabalhas como uma formiga laboriosa e incansável, para teres tudo aquilo a que tens direito, tudo aquilo que os outros têm e que lhes dá nem que seja uns míseros segundos de satisfação efémera e tu invejas como se fosse o Santo Graal que tanto tens procurado ao longo destes anos. Também queres ter a Playstation 4 e a Samsung Smart TV Série 8000 de 75 polegadas; queres passar um mês na Tailândia e visitar a ilha onde filmaram o filme The Beach, mesmo que seja um antro de ingleses sujos e desordeiros; queres definitivamente é ter dinheiro para saíres à noite e não pareceres um pé-descalço desesperado para ter uma oportunidade no mundo dos adultos e poderes acompanhar aquele grupo de erasmus até ao Plano B ou ao Tendinha porque viste lá aquela alemã que te sorriu uma vez do outro lado da Travessa da Cedofeita e tu achas que tens uma hipótese se lhe mostrares a tua destreza motora na pista de dança e a tua habilidade para conseguires ter uma conversa inteligível berrando debaixo dos mais de 100 decibéis ensurdecedores de ruído que se parecem vagamente com a Last Nite dos The Strokes.
E mesmo tendo o dinheiro para essa festa das festas, acabas por beber demasiados shots e demasiada cerveja, exibes demasiada descoordenação motora para seres sequer levado a sério, perdes a competência conversacional que parecia ser um dado adquirido e acabas a noite sozinho, a caminhar para casa, onde chegas encharcado porque estamos em fevereiro, chove há mais de um mês sem parar e não és grande adepto de guarda-chuvas. Além disso és forreta demais para apanhares um táxi.
Finalmente livras-te da roupa molhada, amontoada agora tão descuidadamente quanto possível num canto do quarto, e lutas contra as mangas do pijama, que não parecem querer ser penetradas pelos teus braços. Vais à cozinha buscar um copo de meio litro de água que sabes ser indispensável nas próximas horas e colocas-lo cuidadosamente entre um monte de livros e o teu telemóvel, tentando não molhar nenhuma das tuas estimadas possessões. Enfias-te entre os lençóis e revês o filme da tua noite e tentas perceber onde é que erraste e como seria se aquela alemã loira e espadaúda ocupasse agora o espaço imediatamente acima do teu corpo, entre ti e o peso do edredão de penas. Fechas os olhos com um sorriso nos lábios à medida que imaginas os movimentos sensuais da alemã que te monta na tua imaginação. Por muito esperançosa que seja a tua ereção, sabes que o sono e a ebriedade que te dominam agora não te permitem sequer uma masturbação balsâmica.
Acordas de forma algo abrupta com o som de mobília a bater na parede do apartamento ao lado. Se escutares atentamente, distingues os gemidos por entre o arfar rápido e ritmado de duas pessoas. As gargalhadas indecentes, primeiro de um homem e quase imediatamente de uma mulher, ecoam pelo prédio. As molas do colchão chiam indecorosamente, numa cadência certa, pequenos gritinhos queixosos de uma cama que não foi feita para ser abusada tão violentamente. E o andamento acelera subitamente até se consumar num grito menos controlado e num silêncio ominoso. Depois recomeça, e o ritual repete-se uma e outra vez, mesmo quando já parece ter passado uma hora e tu imaginas que tenham experimentado todas as 8 posições que tu achas serem minimamente exequíveis. Vais bebendo água e esperas adormecer mais cedo ou mais tarde, quando o teu cérebro se habituar e todo aquele barulho se transformar em ruído branco, indistinguível do dos autocarros barulhentos que começam a abanar a estrutura do edifício de cada vez que passam na rua lá em baixo. Mas não consegues dormir. A tua imaginação não te deixa, os sons são sugestivos demais e não é propriamente o tipo de situação que consegues convencer o teu cérebro que é normal. O acto sexual, mesmo o alheio, é sempre algo de especial, e até parece que consegues sentir o cheiro do latex. Pões-te a pé e vais à casa de banho. Quando voltas bebes mais água e ligas o computador portátil. Metes os auscultadores nos ouvidos e escolhes um álbum de Thievery Corporation para adormeceres serenamente sem distrações externas.
Deve ter resultado porque acordo e já são três da tarde. No apartamento ao lado já não há sons de camas a abanar nem agitações sugestivas de actos impúdicos. Apenas o sussurro de vozes abafado pelas paredes mestras. Portas que se batem, talvez da casa de banho, talvez da entrada do apartamento. Ouço claramente passos descendo as escadas comuns, e depois o estrondo da porta da rua a ser batida violenta e despreocupadamente. Corro para a janela e espreito. O meu vizinho do lado sai com uma ruiva. Parece-me A Ruiva. Eles param de repente e ele volta para trás, deve ter-se esquecido de algo. Ela espera-o do outro lado da rua, encostada à parede. É ela, de certeza, a minha Claire Fisher. O meu coração bate mais rápido e sinto que ainda a quero. Quero-a ainda mais. Ela sorri quando o meu vizinho regressa, mas há sempre algo de triste e desconfiado nos seus olhos, um vazio permanente que ninguém vai nunca conseguir preencher. Ainda assim não me importava de morrer tentando. Eles afastam-se rua fora. Fico à espera que se aproximem, que deem as mãos, porém nada acontece, e acho que é ela que não quer. É esse tipo de coisas que a tornam o centro gravitacional do universo, essa distância orbital que ela cria e nos faz girar eternamente à volta dela, como uma lua em torno de um planeta, ferozmente sugada pela sua força de atração mas afastada o suficiente para nunca criar o perigo de colisão fatal.
Sinto-me de novo um zombie, com uma vontade irresistível de fazer alguma coisa que não sei descrever. Saio à rua instintivamente. Procuro um sítio onde me sinta bem, procuro os meus amigos, alguém que me distraia e amenize o dano causado.
Sou a formiga.
Sinto o esporo a penetrar lentamente em mim. Não lhe resisto. Não vale a pena. Só me resta procurar a amiga momentânea, e a amiga da amiga momentânea, e o amigo da amiga da amiga momentânea, e queixar-me da Claire Fisher e do esporo que ela libertou na minha direção e me tortura agora. Só me resta esperar que eles reconheçam o meu estado débil e o perigo potencial que represento e me levem para longe, para bem longe desta colónia de formigas, bem comportadas demais para eu lhes querer tanto mal.
submitted by ClayDatsusara to escrita [link] [comments]


Escola Bíblica - Casais - YouTube A Casa Sonho - Série LGBT - Episódio 01 - YouTube Relacionamento,casamento e comunicação entre casais ... Casais modernos - casais swing 01 - YouTube Enc. para casais - Sucesso no casamento: Equilíbrio de ser mãe e esposa; pai e marido (Parte 1) As 10 melhores pegadinhas do casal Prank vs Prank - YouTube A comunicação do Casal - Conversa entre Casais Conversa diária de namorados 😍 - YouTube DESAFIO ENTRE CASAIS - Kevin e Giullia X Kathiel  Kathy ...

+100 Temas para Encontro de Casais. Estudos Bíblicos OnLine

  1. Escola Bíblica - Casais - YouTube
  2. A Casa Sonho - Série LGBT - Episódio 01 - YouTube
  3. Relacionamento,casamento e comunicação entre casais ...
  4. Casais modernos - casais swing 01 - YouTube
  5. Enc. para casais - Sucesso no casamento: Equilíbrio de ser mãe e esposa; pai e marido (Parte 1)
  6. As 10 melhores pegadinhas do casal Prank vs Prank - YouTube
  7. A comunicação do Casal - Conversa entre Casais
  8. Conversa diária de namorados 😍 - YouTube
  9. DESAFIO ENTRE CASAIS - Kevin e Giullia X Kathiel Kathy ...
  10. Isaac Casais - YouTube

Relacionamento,casamento e comunicação entre casais - Pregação: Pastora Edméia Williams Aprenda a Pregar mesmo sendo Tímido adquira já https://go.hotmart.com... Ibis e Chacal discutem assuntos variados, entre eles misticismo, magia, tarot, ocultismo, mitologia e autoconhecimento. ... Isaac Casais subscribed to a channel 5 months ago Sierra Eagleson - Channel. A primeira parte do programa, o casal apresenta a rotina deles no meio swing, onde recebem outros casais em casa pro sexo, duas ou três vezes por semana. Des... Aproveitei que o Kevin e Giullia estavam aqui em casa e fizemos um desafio entre casais, esta muito engraçado e divertido. Teve gente caindo no chão, gente m... Estamos elaborado uma salada de estar para debater assuntos específicos sobre relacionamentos entre casados. Se você já é assinante da conversa entre casais, então receberá ainda mais conteúdo sobre comunicação para casais e se ainda não é assinante, cadastre-se agora para receber dicas úteis ... Encontros para casais tem a finalidade de abordar assuntos importantes de relacionamento entre casais e família com uma linguagem atual e clara. O curso contará com 6 aulas ao longo do segundo ... Visite o canal oficial do casal. http://www.youtube.com/prankvsprank Inscrevam-se e até o proximo vídeo ALBUM PEDRO QUEVEDO - A CASA SONHO https://open.spotify.com/album/6Dmkzql6uv5s2qIxDs9Chl?si=3nzpGwtX 'A Casa Sonho' é uma série independente gravada no Rio d...